Eis que surge um caminho a partir da sensibilidade do artista

NEYDOUGLAS1

 

Na sensibilidade de um artista de rua, impressa numa parede, eis que surge a possibilidade de seguir um novo caminho; imaginário, sim, mas que nos oferece uma opção de seguir, de sair da mesmice, de refugiar-se de si mesmo e entrar numa vereda misteriosa.

 

 

Deixe seu comentário