Reitor afirma: “Proposta de privatização mascara distribuição dos recursos entre os poderes”

pedro-fernandes
Reitor da UERN, Pedro Fernandes.

Na nota oficial que divulgou na tarde desta segunda-feira (31) em resposta à sugestão do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Cláudio Santos, para privatização da Universidade Estadual do RN (UERN), o reitor Pedro Fernandes afirma taxativo:

“Nos momentos de crise, como a que ora atravessa o Rio Grande do Norte, os esforços das melhores inteligências do Estado deveriam se unir para formular soluções duradouras e viáveis para o desenvolvimento da região, e não apontar propostas mirabolantes, que apenas mascaram os graves problemas de distribuição dos recursos públicos entre os diversos Poderes e Órgãos do Estado.”

Deixe seu comentário