STJ determina afastamento de conselheiro do Tribunal de Contas

A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça determinou a suspensão de José Antônio de Almeida Pimentel do exercício do cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Espírito Santo.

O pedido foi feito pelo ministro Luis Felipe Salomão, que é relator da ação penal na qual Pimentel é investigado por suposta participação em esquema criminoso envolvendo processos licitatórios de diversos municípios do estado.

O Ministério Público Federal requereu, além do afastamento do cargo, que o conselheiro fosse proibido de entrar nas dependências do tribunal de contas e de ter contato com determinadas pessoas.

Saiba mais:

STJ determina afastamento de conselheiro do Tribunal de Contas

Deixe seu comentário