Tag: Câmara Municipal de Natal

21 jul by João Ricardo Correia Tags:, ,

Portal da Transparência da Câmara Municipal de Natal dificulta acesso às informações

Na página inicial, botão leva ao Portal da Transparência

O Portal da Transparência da Câmara Municipal de Natal precisa melhorar – e muito – para ser realmente transparente. Quando acessado, por meio de um botão disponibilizado no site da Casa, encaminha o internauta a uma página onde é solicitado o número de um CPF, mas quando o campo é preenchido, abre uma nova janela em branco. E para por aí.

É feita solicitação de número do CPF, mas não informa se é do usuário conectado ou CPF a ser pesquisado

Caso desejasse que seu Portal da Transparência fosse mesmo transparente, primeiro a Câmara Municipal não deveria solicitar a identificação de quem faz a busca, solicitando o número do CPF. Qual o motivo? Não seria uma forma de tentar inibir o pesquisador? Não seria mais fácil e democrático se fossem disponibilizados links com, por exemplo, lista de servidores, lista de cargos comissionados, contratos, com os detalhes de cada seção?

Ao ser digitado CPF do usuário conectado, página permaneceu em branco

O presidente da Câmara Municipal de Natal, Raniere Barbosa, tem uma bela chance de deixar transparente o Portal da Transparência. Ou então deixa como está, alimentando questionamentos sobre o funcionamento daquela Casa Legislativa.

 

João Ricardo Correia

25 jul by João Ricardo Correia Tags:, , , , , , , , ,

Promotores detalham esquema criminoso na Secretaria de Serviços Urbanos de Natal

Em entrevista coletiva realizada nesta segunda-feira (24), o Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) repassou detalhes da operação Cidade Luz, deflagrada no início da manhã e que investiga o desvio de mais de R$ 22 milhões da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos de Natal (Semsur).

A coletiva foi aberta pelo procurador-geral de Justiça, Eudo Rodrigues Leite, e dela também participaram o coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Fausto França, além dos promotores de Justiça Giovanni Rosado, Paulo Lopes, Rafael Galvão, Thibério Fernandes e Afonso de Ligório.

24 jul by João Ricardo Correia Tags:, , , , , , , , ,

MPRN investiga desvios de R$ 22 milhões na Semsur de Natal

 


O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deflagrou na manhã desta segunda-feira (24) a operação Cidade Luz, que investiga o desvio de R$ 22.030.046,06 da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos de Natal (Semsur). Pelo que foi apurado pelo MPRN, há indícios que o montante é decorrente de superfaturamento e pagamento de propina relativos a contratos firmados entre empresas e a Secretaria para a prestação de serviços referentes à manutenção e à decoração do parque de iluminação pública da capital potiguar. O ex-secretário de Serviços Urbanos de Natal, Ranieri Barbosa, foi afastado do cargo de presidente da Câmara Municipal de Natal, que ocupa atualmente.

Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram expedidos pelo juiz da 7ª vara Criminal de Natal e foram cumpridos com apoio da Polícia Militar nas cidades de Natal e Parnamirim, no Rio Grande do Norte, e também em Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e ainda em Fernando de Noronha, em Pernambuco. Os gabinetes de Ranieri Barbosa e da Presidência da Câmara Municipal de Natal também foram alvo dos mandados. Ao todo, foram expedidos 13 mandados de prisão temporária.

Dados da Controladoria Geral do Município de Natal demonstram que entre os anos de 2013 e 2017, as empresas Alclog, Ancar, Enertec, FGTech, Geosistemas, Lançar, Real Energy e Servlight, todas sediadas em Pernambuco, foram beneficiárias de pagamentos no montante de R$ 73.433.486,86 de contratos coma Semsur. O MPRN estima superfaturamento médio de 30% no valor dos contratos celebrados.

20 abr by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Comissão discute vetos ao Plano de Municipal de Educação

CMNCOMISSAOEDUCACAO1_MARCELOBARROSO

A Comissão de Educação da Câmara Municipal de Natal discutiu durante a manhã de ontem (19), com representantes da Secretaria Municipal de Educação (SME), Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte) e vereadores, os vetos do prefeito Carlos Eduardo ao Plano Municipal de Educação, aprovado no início do mês de março passado. O plano foi sancionado através da Lei N.º 6.603 de 1 de abril de 2016, com nove vetos à emendas encartadas pelo legislativo. A publicação está no Diário Oficial do Município do dia 4 passado.

Na audiência de hoje os procuradores da casa fizeram um panorama geral das justificativas dos vetos. Segundo disseram a Procuradoria Geral do Município (PGM) fez argumentos de caráter jurídico. Nenhum procurador do município compareceu para discorrer sobre o assunto e representantes da SME não entraram no mérito dos vetos porque disseram que cabe à PGM explicar.

Para a vereadora Amanda Gurgel (PSTU), as justificativas do Executivo não procedem. “Os vetos tentam ter natureza jurídica e estão equivocados ao considerar caráter de lei nas emendas apresentadas que foram discutidas em fórum. O que fizemos foi direcionar estratégias e metas a serem disciplinadas pelo executivo”, reclama a parlamentar. Entre as emendas vetadas estão a climatização progressiva das salas de aula com 50% até o quinto ano e 100% até o final da vigência do plano (dez anos); a criação de uma equipe de profissionais lotados nas escolas para elaborar e executar um política de formação em serviço; o direito à refeição no horário de trabalho, no âmbito do programa alimentação escolar; e benefícios do auxílio alimentação e auxílio transporte para os trabalhadores da educação.

A presidente da Comissão de Educação, vereadora Eleika Bezerra (PSL), se disse surpresa com o veto à emenda que trata da prestação de contas trimestral por parte da SME quanto à execução do plano de educação. “Alguns vetos surpreenderam como a prestação de contas que acredito ser um dever da parte do Executivo e nosso enquanto poder legislativo que precisa fiscalizar e saber como está sendo executado o plano. Penso que precisamos dialogar desde já com a Comissão de Justiça para que possamos nos posicionar melhor quanto a esses vetos. Espero que os vereadores tenham sensibilidade para apreciar e derrubar os vetos que forem possíveis de derrubar”, disse Eleika. Os vetos estão em análise na Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final da Câmara e ainda devem ser analisados pela Procuradoria da Câmara antes de serem votados em plenário.

Fonte: Assessoria de Comunicação da
Câmara Municipal do Natal – ASSECAM

Texto: Cláudio Oliveira
Fotos: Marcelo Barroso

13 maio by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Câmara derruba veto e mantém projeto que beneficia artistas locais

LUIZALMIRPLENARIO_ELPIDIOJUNIOR
Vereador Luiz Almir defendeu manutenção do texto-base do projeto de sua autoria: “Com isso, quem venceu foi o artista popular”

Na sessão ordinária desta terça-feira (12), o Plenário da Câmara Municipal de Natal derrubou o veto integral do Executivo ao Projeto de Lei de autoria do vereador Luiz Almir (PV) que estabelece um cachê mínimo para os artistas locais referente a 10% do valor recebido pelos artistas de fora. A iniciativa tem o objetivo de valorizar os talentos da terra e ajudá-los a conquistar o cenário nacional.

“Faltou sensibilidade para a prefeitura quando vetou esta matéria que foi elaborada com a preocupação de promover a nossa cultura. Mas, felizmente, os parlamentares desta Casa foram lúcidos e mantiveram o texto-base do projeto. Com isso, quem venceu foi o artista potiguar”, disse Luiz Almir.

Já a proposta do vereador Fernando Lucena (PT) que obriga a toda casa ou apartamento acima de 100 metros quadrados de área construída possuir reservatório para armazenar água da chuva.

De acordo com o líder da bancada governista, vereador Raniere Barbosa (PDT), a Procuradoria Geral do Município justificou o veto com o argumento de que a lei deveria ser oriunda de um projeto complementar e não de matéria ordinária.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da CMN / Foto: Elpídio Júnior

28 abr by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

CEI da STTU e Seturn dá continuidade a depoimentos

CEISTTU1_ELPIDIOJUNIOR

Nesta segunda-feira (27), a Comissão Especial de Inquérito (CEI) da Câmara Municipal de Natal, que investiga a relação entre Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) e Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros (Seturn), realizou oitiva com Priscilla Maria Martins, chefe da Procuradoria Fiscal da Procuradoria Geral do Município (PGM), e Francisco Xavier de Oliveira Neto, presidente da Junta Administrativa de Recursos de Infração de Transporte (JARIT).

Francisco Xavier informou que a STTU recebe em média 500 processos por mês, sendo apenas três julgadores para avaliar. “Todavia, acredito que o número de profissionais é suficiente para a demanda”, afirmou. De acordo com Priscilla Martins foram 22 mil processos só no mês de dezembro. “Precisamos fazer um levantamento de todas as ações ajuizadas para identificar o que existe sobre as empresas de ônibus”, explicou.

O presidente da CEI, vereador Fernando Lucena (PT), disse que os depoimentos dos dois funcionários da administração municipal não acrescentaram informações relevantes aos trabalhos de investigação. “É inadmissível dono de empresa não pagar multa. Se pagassem, a prefeitura teria recursos extras para investir nos postos de saúde e escolas que estão caindo aos pedaços”.

Para o vereador Aroldo Alves (PMDB), membro da CEI, a situação da STTU é caótica. “Essa instituição precisa estar bem aparelhada para atender ao volume de exigências. Diante do quadro, resta cruzar os dados que temos e chamar outras autoridades para prestar esclarecimentos à população”, concluiu.

 

Fonte: Portal da CMN / Foto: Elpídio Júnior

28 abr by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Direitos da pessoa autista viram tema de audiência na CMN

CHAGASCAT1

Mais uma vez os direitos das pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) em Natal voltou ao debate na Câmara Municipal. Na manhã de ontem (27) uma audiência pública proposta pelo vereador Chagas Catarino (FOTO), do PROS, discutiu os direitos e a melhoria no atendimento prestado pelo Município.

O autismo é um transtorno de desenvolvimento que geralmente aparece nos três primeiros anos de vida e compromete as habilidades de comunicação e interação social. De acordo com pais e profissionais que atendem a pessoas com autismo, as escolas e unidades de saúde do município ainda não conseguem prestar o atendimento e encaminhamento correto àqueles que apresentam o transtorno. Em Natal, o atendimento às pessoas autistas é oferecido principalmente por instituições não governamentais que precisam de recursos oriundos de convênios ou doações para manter o trabalho. Uma delas é a Associação dos Pais e Amigos dos Autistas do RN (APAARN).

De acordo com a representante da entidade, presente à audiência, Nara Chacon, o município deixa a desejar no atendimento que precisa ser multiprofissional, mas, sem condições de atender, precisa apoiar as entidade que realizam o atendimento. “Na APAARN estamos há três anos sem educador físico, algo fácil para o município ceder e essencial ao desenvolvimento dos usuários. Os autistas e suas famílias precisam de suporte e esse suporte tem que vir do poder público porque hoje não se consegue obter melhoria no desenvolvimento dessas pessoas com tratamento que o SUS oferece”, reclama Nara Chacon.

Para a professora da UFRN, Eliana Rodrigues Araújo, que é mãe de um rapaz autista e criou uma unidade de educação diferenciada a autistas, é preciso que se providencie mais especialização dos profissionais para que se consiga melhor atender. “Precisamos de especializações nas diversas abordagens para atender às diferentes manifestações do autismo”, disse, apontando esta como uma das principais dificuldades que se enfrenta no tratamento.

O vereador Chagas Catarino convocou todas as entidades, pais e defensores da causa para participarem das discussões que definem o Orçamento Geral do Município (OGM), no segundo semestre. Ele pretende apresentar emenda destinando recursos, seja para as entidades, ou mesmo para a construção de uma unidades especializada para tratamento de autistas na capital. “Acho que podemos contribuir dessa forma também, direcionando recursos para atender a estas pessoas e assim facilitar o tratamento. É interessante que estejam todos presentes defendendo essa causa”, disse Catarino.

 

Fonte: Portal da CMN

23 abr by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Ex-secretário da STTU é interrogado na Câmara Municipal de Natal

FERNANDOLUCENA1_ELPIDIOJUNIOR
Fernando Lucena preside a CEI da STTU (Foto: Elpídio Júnior)

A  Comissão Especial de Inquérito (CEI) que investiga a relação entre Secretaria de Mobilidade Urbana (STTU) e Sindicato das Empresas de Transporte de passageiros (Seturn), dando continuidade às oitivas, interrogou ontem (22) o ex-secretário da STTU, Márcio José de Sá, que falou sobre os trâmites para envio das notificações de multas de trânsito das empresas de ônibus para a Secretaria de Tributação (Semut), órgão responsável pela cobrança.

Diferente do que disse a presidente da Comissão da Dívida Ativa da STTU, Nadja Dias Freire, nas últimas oitivas realizadas no dia 16 de abril, o ex-secretário negou que tivesse informado que as notificações precisariam ser enviadas via ofício e via sistema virtual para que pudessem ter prosseguimento. “Só era necessário via ofício se houvesse pane no sistema, foi isso que ordenei. Agora, seja via ofício ou via sistema, depois que é enviado, todo procedimento adotado cabe a Secretaria de Tributação. Enquanto estive a frente da secretaria, em oito meses, conseguimos enviar 14 mil notificações. Se foram efetivadas ou não, já não era mais da minha competência”, declarou Márcio Sá.

O presidente da CEI, vereador Fernando Lucena (PT) destacou a contradição entre os depoimentos e disse que a comissão precisará esclarecer a não-execução da cobrança com a Semut. As próximas oitivas ocorrerão na segunda-feira (27) e também deverão discorrer sobre esse ponto com a Procuradora de Execução Fiscal do Município e o presidente da Junta Administrativa de Recursos de Infração de Transporte (JARIT). “Vamos esclarecer porque as ações não foram executadas para cobrar as multas. São R$ 11 milhões para o Município receber, mas que estão em aberto e precisamos saber por que ninguém fez nada e por que essas empresas devem e não são inscritas na Dívida Ativa”, diz o vereador. Participaram ainda da oitiva de hoje os outros membros da CEI, vereadores Aroldo Alves (PSDB), Ubaldo Fernandes (PMDB), assessores e procuradores da casa.

 

 

Fonte: Portal da Câmara Municipal de Natal

24 mar by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Câmara e OAB/RN se mobilizam em prol da reforma política

CMNREFPOLITICA_ELPIDIOJUNIOR

A Câmara Municipal de Natal realizou em conjunto com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RN), nessa segunda-feira (23), audiência pública com o objetivo de intensificar a coleta de assinaturas para o projeto de lei da Reforma Política Democrática. A iniciativa foi proposta pelo presidente da Casa, vereador Franklin Capistrano (PSB), além dos vereadores Cabo Jeoás (PCdoB), Felipe Alves (PMDB), Hugo Manso (PT), Joanilson Rêgo (PSDC), Klaus Araújo (PP) e Sandro Pimentel (PSOL). O plenário do Legislativo natalense recebeu representantes da sociedade civil para as discussões.

Em Natal, a campanha foi lançada pela OAB/RN em 09 de dezembro de 2014 e prevê o fim da reeleição e do financiamento de campanhas por empresas, a coincidência de mandatos, unificação das eleições, entre outros. A meta é alcançar é 1,5 milhão de assinaturas, o que representa 1% do eleitorado brasileiro. Entre os dias 23 e 31 de março, serão convocadas assembleias em Caicó, Mossoró, Pau dos Ferros, Apodi e Currais Novos.

De acordo com o presidente Franklin Capistrano, as mudanças políticas que o Brasil precisa fazer passam pela ampliação da democracia. “Precisamos aperfeiçoar os instrumentos de participação popular e reivindicar dos governantes essas questões. A necessidade de uma reforma existe, sendo fundamental o engajamento dos diversos segmentos sociais para a implementação da mesma”.

Conforme o presidente da OAB/RN, Sérgio Freire, a ideia é fazer uma grande mobilização. “Queremos que todos participem, pessoas de todas as idades, mulheres e homens, em prol do aprimoramento da democracia. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil está inserida nessa luta, que visa melhorar o cenário político do nosso país”, afirmou, ressaltando o apoio da Câmara Municipal ao projeto de reforma política. “Aqui é o lugar ideal para debater a adoção de eleições limpas e democráticas, tendo em vista que esse é o parlamento mais próximo da população”, destacou.

O vereador Joanilson Rêgo disse que o princípio básico deve ser a igualdade de oportunidades para todos nas eleições. “A reforma política que defendemos vai combater o predomínio do poder econômico durante as campanhas. Por exemplo, é inadmissível que os partidos pequenos não recebam fundo partidário. É uma desigualdade absoluta. Isso afasta as mentes livres e idealistas do processo. A maioria dos candidatos querem chegar ao poder apenas para se manter no poder. Dito isso, mudanças urgentes devem acontecer”, afirmou o parlamentar, que é ex-presidente da OAB/RN.

 

 

Fonte: Portal da Câmara Municipal de Natal

13 mar by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Câmara aprova a criação de motovias em avenidas de Natal

CMNMOTOVIAS_ELPIDIOJUNIOR
Foi aprovado durante a sessão ordinária desta quinta-feira (12) na Câmara Municipal de Natal um projeto de lei encaminhado pelo vereador Aroldo Alves (PSDB) que prevê a criação de motovias, faixas exclusivas para o tráfego de motos nas principais avenidas da cidade. A proposta tem como objetivo promover segurança no trânsito, além de modernizar o sistema viário.

Com a implementação da matéria, torna-se obrigatória sinalização para atender a circulação do tráfego de veículos de 02 (duas) rodas em grandes avenidas. A Prefeitura terá 90 dias para regulamentar a lei após a data de sua publicação, e as despesas decorrentes da execução correrão por conta de dotação orçamentária própria, suplementada se necessária.

De acordo com o vereador Aroldo Alves, diante da violência do trânsito na capital potiguar, há necessidade de criar melhores condições para a circulação dos trabalhadores que usam motocicleta. “O crescimento da frota de veículos têm contribuído para aumentar a ocorrência de acidentes, sendo a principais vítimas pedestres, ciclistas e motociclistas. Estou convencido que as motovias podem ajudar a evitar tragédias que causam imensos sofrimentos para tantas famílias”, destacou.

O plenário também manteve o veto parcial do Executivo ao projeto de autoria do vereador Marcos Antônio (PSOL), que autoriza o Município a instituir a prática de cremação de cadáveres e restos mortais e a instalar fornos e incineradores nos cemitérios públicos. Segundo o líder da bancada governista na Casa, vereador Chagas Catarino (PROS), “o segundo artigo da proposta legisla sobre direito civil, que é da competência da União, não do Município”.

Marcos Antônio disse que o artigo vetado não fere a Constituição Federal. “O texto afirma ser preciso que, antes de morrer, a pessoa deixe uma declaração de que quer ser cremada. Se não fizer isso, quem decide é a família”, explicou. “Hoje, a população mais carente não tem acesso a esse serviço, pois custa muito caro. O projeto já foi aprovado em segunda votação e agora depende apenas da vontade política da Prefeitura para efetivá-lo”, concluiu.

 
Fonte: Portal da Câmara Municipal de Natal / Foto: Elpídio Júnior

27 fev by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Divulgados nomes para Comissões Técnicas da Câmara de Natal

CAMARANATAL1

A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Natal anunciou os nomes dos novos integrantes das Comissões Técnicas da Casa, que ficaram assim constituídas:

Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final: Felipe Alves (presidente), Eudiane Macedo (vice-presidente), Adão Eridan, Aquino Neto e Klaus Araújo (membros).

Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização: Ubaldo Fernandes (presidente), Adão Eridan (vice-presidente), Marcos Antonio, Fernando Lucena e Chagas Catarino (membro).

Comissão de Planejamento Urbano, Meio Ambiente, Transportes e Habitação: Aroldo Alves (presidente), Sandro Pimentel (vice-presidente), Hugo Manso, Cabo Jeoás  e Aquino Neto (membros).

Comissão de Saúde, Assistência Social e Defesa do Consumidor: Fernando Lucena (presidente), Dickson Júnior (vice-presidente), Maurício Gurgel, Aroldo Alves e Ubaldo Fernandes (membro).

Comissão de Turismo: Júlia Arruda (presidente), Felipe Alves (vice-presidente), Emanoel Damasceno (Emanoel do Cação), Flaviano Dagoberto (Dagô),  e Paulinho Freire (membros).

Mais: Comissão de Defesa dos Direitos Humanos, Trabalho e das Minorias: Júlia Arruda (presidente), Eudiane Macedo (vice-presidente), Emanoel do Cação. Ary Gomes e  Cabo Jeoás (membros).

Comissão de Legislação Participativa e Assuntos Metropolitanos: Cabo Jeoás (presidente), Joanilson Rêgo (vice-presidente), Dagô, Dickson Júnior e Klaus Araújo (membros).

Comissão de Educação, Cultura e Desporto: Eleika Bezerra (presidente), Amanda Gurgel (vice-presidente), Ary Gomes, Júlia Arruda e Cristiano Gomes de Lima Júnior (Júnior Grafith), membros.

Comissão de Ciência e Tecnologia: Hugo Manso (presidente), Joanilson Rêgo (vice-presidente), Maurício Gurgel, Aquino Neto e Bertone Marinho (membros).

Comissão de Ética Parlamentar: Joanilson Rêgo (presidente), Francisco de Assis Valentim da Costa (Bispo Francisco de Assis), vice-presidente, Chagas Catarino (membro).

Comissão de Implementação e Acompanhamento de Leis de Autoria do Poder Legislativo: Marcos Antonio (presidente), Dickson Júnior (vice-presidente), Ubaldo Fernandes, Aroldo Alves e Cristiano Gomes de Lima Júnior (Júnior Grafith), membros.

27 fev by João Ricardo Correia Tags:, , ,

Chagas Catarino assume liderança interina do prefeito na Câmara

CHAGASCAT1
Vereador Chagas Catarino, do PROS

O vereador Chagas Catarino, do PROS, assumiu interinamente a liderança do prefeito Carlos Eduardo na Câmara Municipal de Natal, em meio a uma sessão com discursos baseados em críticas à saúde pública oferecida à população natalense. Tudo começou com um projeto de autoria do próprio líder, determinando a instalação de aparelhos de raio X nas unidades de saúde do município. O vereador Paulinho Freire foi o primeiro a criticar, não o projeto de Chagas Catarino, mas o fato dos postos de saúde não disporem do equipamento para atender a demanda do povo de Natal. “Voto favorável, mas a obrigação é do município oferecer condições para realização dos exames”, disse Paulinho Freire.

Outros vereadores mostraram-se favoráveis e votaram pela aprovação do  projeto de Chagas Catarino, mas criticaram a administração municipal pela falta de estrutura e equipamentos nas unidades de saúde, como o caso de Klaus Araújo, do PP e Sandro Pimentel, do Psol. “Reconheço que a limpeza, iluminação pública e paisagismo  melhoraram, mas não existem equipamentos básicos para na saúde e o prefeito não cumpriu o compromisso assumido com o Plano Diretor, Plano de Mobilidade, entre vários outros, não foram cumpridos”, disse Sandro Pimentel.

O vereador Chagas Catarino justificou a apresentação do projeto do raio X e agradeceu a sua aprovação, enquanto o Cabo Jeoás, do PC do B e da base aliada, lembrou que o problema da saúde pública é verificado em todo o País e Aroldo Alves, do PSDB, afirmou que Chagas Catarino está de parabéns por se preocupar com a saúde do povo natalense. Adão Eridan, do PR, disse reconhecer que a saúde no município não está bem, afirmando que o projeto do vereador do PROS ajuda melhorar a situação de dificuldades com a instalação do equipamento de raio X. Júlia Arruda, do PSB, alertou sobre a necessidade de se analisar o item competência, já que, segundo ela, não está previsto a instalação de raio X em unidades básicas de saúde.

11 fev by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Júlia Arruda deverá ser a líder de Carlos Eduardo na Câmara de Natal

JULIAARRUDA

A vereadora Júlia Arruda, do PSB, deverá ser a líder de Carlos Eduardo na Câmara Municipal de Natal em substituição ao vereador Júlio Protásio, também do PSB, que recentemente deixou o cargo por problemas de relacionamento com o prefeito da capital. A informação é de que Júlio Protásio teria entregue a liderança porque estava sofrendo desgaste político e insatisfações junto a sua bancada pelo não atendimento as demandas dos vereadores nas secretarias municipais. O vereador Felipe Alves, do PMDB, que teve seu nome cogitado para o cargo, afirmou em entrevista a ´O JORNAL DE HOJE, edição desta última terça-feira, que não foi convidado e se isso acontecer não aceitará.

Questionada sobre a possibilidade de assumir a liderança do prefeito Carlos Eduardo na Câmara Municipal de Natal a vereadora Júlia Arruda não disse sim, nem não, argumentando, entretanto, que atualmente exerce a liderança do PSB, faz parte das Comissões de Educação, Direitos Humanos e Turismo, além de presidir a Frente Parlamentar da Criança e do Adolescente e da Pessoa com Deficiência, atribuições que estaria ocupando todo o seu tempo. Ela destaca também, o fato deste ano ser pré-eleitoral, portanto com a incumbência de cuidar da sua reeleição.

DEDICAÇÃO EXCLUSIVA

“Para ser líder temos que ter dedicação para exclusiva, já que a tarefa é difícil na intermediação entre os dois Poderes e na articulação junto aos vereadores, principalmente da bancada de apoio ao prefeito. Temos que resolver as demandas”, disse a vereadora, para em seguida reconhecer o trabalho realizado pelo vereador Júlio Protásio: “Júlio conseguiu formar uma bancada de 20 vereadores proporcionando a governabilidade do prefeito. É um vereador experiente e competente. O prefeito perdeu muito com sua saída”.

O vereador Aroldo Alves, do PSDB, disse que “Carlos Eduardo está tendo problemas para preencher a vaga deixada por Júlio Protásio porque o prefeito não tem a Câmara Municipal como  Poder nem tampouco como parceiro”, e isso estaria dificultando a indicação de um nome com a competência de Júlio Protásio, que ele considera um político hábil, dedicado, competente e comprometido, não só com trabalho que realizava, mas com os interesses da população natalense. “O prefeito perdeu muito”, ressalta o vereador do PSDB.

Aroldo Alves, que é liderado do deputado Rogério Marinho, provável candidato a prefeito de Natal nas eleições do próximo ano, não confirma a candidatura do líder tucano por considerar cedo para definições de nomes. Ele prefere adiantar que o propósito do PSDB é apresentar uma forte nominata para eleger uma bancada significativa em 2016. “Após o carnaval iniciaremos as conversações”, disse ele. Questionado sobre o movimento nacional que está sendo anunciado para pedir o impeachment de Dilma Rousseff, Aroldo Alves diz não concordar. “O certo é tirar Dilma do governo através do voto”, observa, mesmo concordando que a presidente enganou a Nação.

GULOSO

No Estado, o vereador do PSDB, Aroldo Alves prevê que o governador Robinson Faria terá problemas para administrar tendo o Partido dos Trabalhadores como parceiro. “O PT é muito guloso, vai querer lotear o Estado e o governador não vai aceitar. Não acredito que a aliança PSD/PT vá muito longe”, concluiu o vereador do PSDB.

4 fev by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Presidente da Câmara Municipal de Natal entrega medalha ao padre Campos

PADRECAMPOS_ELPIDIOJUNIOR
Solenidade ocorreu no Salão Paroquial da Igreja de São Sebastião, no Alecrim, onde atua o padre Campos (Foto: Elpídio Júnior)

O presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Franklin Capistrano (PSB), entregou a Medalha Padre Miguelinho ao Padre Campos, titular da Igreja de São Sebastião (Alecrim) que completa 40 anos de sacerdócio. Esta honraria é concedida a pessoas que tenham prestado relevantes serviços à cidade de Natal. A homenagem aconteceu na segunda-feira (2),

A solenidade de entrega da medalha foi no salão paroquial da Igreja junto com o lançamento da biografia do homenageado, escrita por Tállison Ferreira da Silva com o título: “Das Mãos de Ouro à uma Voz que Encanta”.

Franklin Capistrano disse que a homenagem do Legislativo natalense significa o reconhecimento àqueles que trabalham pelo desenvolvimento social e promoção da paz. “A trajetória do Padre Campos é identificada com a doutrina social da Igreja. Ele também é um pacifista e militante das causas comunitárias”, afirmou o presidente.

“Tenho uma vida compartilhada com os irmãos, que oram e colaboram com minha missão presbiteral. Estou feliz com as oportunidades que Deus me concedeu de ajudar as pessoas”, destacou Padre Campos, que agradeceu a distinção concedida pela Câmara Municipal: “O presidente Franklin é uma presença fraterna, integrado com a comunidade e participativo nas atividades sociais”.

Fonte: Portal da Câmara Municipal de Natal

Fale no ZAP