Tag: Dilma Rousseff

11 jan by João Ricardo Correia Tags:, , ,

TRF-3 manda Justiça aceitar denúncia contra Cardozo e ex-chefe da Funai

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região manteve, nesta sexta-feira (11/1), uma decisão que mandou a Justiça Federal em Mato Grosso do Sul dar andamento a ação civil pública contra o ex-ministro da Justiça do governo Dilma Rousseff, José Eduardo Cardozo (FOTO), e o ex-presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), o então procurador federal Flavio Chiarelli Vicente de Azevedo.

Os dois são acusados de descumprir Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado entre Funai e Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul (MS) visando a conclusão dos procedimentos administrativos relativos à identificação e delimitação das terras de ocupação tradicional indígena na região centro-sul do estado.

14 dez by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Dilma Rousseff faz procedimento para desobstruir artéria do coração

A ex-presidente Dilma Rousseff esteve em São Paulo, no Hospital Sírio-Libanês, para fazer uma angioplastia, ou seja, desobstrução de artérias do coração.

De acordo com o hospital, o procedimento foi realizado com sucesso e sem intercorrências.

Dilma deu entrada quarta-feira (11) para fazer, inicialmente, uma cineangiocoronariografia, um tipo de cateterismo cardíaco.
Com o quadro de estável, ela recebeu alta ontem (13). Dilma foi acompanhada por equipe médica coordenada pelo médico Roberto Kalil Filho.

Por Fernanda Cruz / São Paulo

26 nov by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Fátima Bezerra estaria buscando apoio de membros da Maçonaria para se aproximar de Bolsonaro

Dilma falou em pacto com o diabo e Fátima estaria buscando apoio na Maçonaria

A senadora petista Fátima Bezerra, governadora eleita do Rio Grande do Norte, começa a anunciar os nomes do seu futuro secretariado e, segundo fontes deste informativo, terá membros da Maçonaria como aliados, para buscar aproximação com o presidente eleito Jair Bolsonaro.

Conhecedora da trágica situação financeira do RN, Fátima Bezerra, árdua defensora de Lula e Dilma Rousseff, que declarou recentemente fazer pacto até com o diabo para vencer o fascismo, estaria disposta a montar uma equipe “eclética” em nome da governabilidade. Só não se sabe se algum dia ela chamará o futuro chefe do executivo federal de “companheiro Bolsonaro”; os maçons, que apoiaram o presidente eleito, seriam decisivos para que o “namoro” desse certo.

Ligada recentemente com deputados estaduais também muito bem articulados, entre eles o presidente da Assembleia Legislativa potiguar, Ezequiel Ferreira, Fátima Bezerra tem demonstrado segurança e maturidade política nesse período de transição, até porque sabe que se o radicalismo petista prevalecer, vai bater de frente com o Governo Federal recheado de conservadores que declaram ódio aos “vermelhos”.

O tempo, mais uma vez, será o senhor da razão e mostrará se o que se comenta, hoje, nos bastidores da política papa-jerimum, é verdade e os maçons vão levar Fátima pelo braço até o capitão Jair Bolsonaro, ou se tudo não passou de especulação.

Aguardemos.

 

Por João Ricardo Correia

8 out by João Ricardo Correia Tags:, , ,

Xô! Eleição para o Senado derrota políticos conhecidos

Garibaldi Alves Filho não conseguiu reeleição como senador pelo Rio Grande do Norte

A eleição para o Senado Federal deixa fora do Congresso políticos de renome, como a ex-presidente Dilma Rousseff (PT-MG), que ficou em quarto lugar na disputa; o atual presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE); o vereador Eduardo Suplicy (PT-SP), ex-senador e aposta do partido para reforçar a bancada; o senador Cristovam Buarque (PPS-DF), ex-ministro da Educação; e o deputado federal Mendonça Filho (DEM-PE), ex-ministro da Educação.

A eleição do Rio de Janeiro foi a que causou maior desfalque: foram derrotados os senadores Lindbergh Faria (PT) e Eduardo Lopes (PRB), além dos deputados federais Miro Teixeira (Rede) e Chico Alencar (PSOL).

Miro é o deputado com maior número de mandatos na atualidade. Ao todo são onze mandatos, com apenas uma interrupção, entre 1983 e 1987. Chico Alencar está no quarto mandato na Câmara dos Deputados. Um dos principais defensores de Dilma na Câmara dos Deputados, Silvio Costa (Avante-PE), tentou sem sucesso uma vaga no Senado. O líder do governo no Congresso, André Moura (PSC-SE), também foi derrotado.

16 jul by João Ricardo Correia Tags:, , ,

Senador Álvaro Dias acredita que o “ciclo petista” chegou ao fim

ALVARO_DIAS_KALINAVELOSO
Presidente do PV no RN, Rivaldo Fernandes; governador Robinson Faria; senador Álvaro Dias e o deputado estadual Jacó Jácome (Foto: Kalina Veloso)

 

Joaquim Pinheiro

O senador Álvaro Dias, do Paraná, que se encontra em Natal participando de eventos do seu partido, o PV, entende que um possível retorno de Dilma Rousseff ao cargo de presidente da República “seria traumático” para o Brasil e que o processo de impeachment é legítimo e tem razões de natureza política e jurídica.

Segundo ainda o senador paranaense, que é uma das referências do senado, o PMDB também não tem condições de governar o País, a exemplo do PT, “porque são tolerantes ao fracasso”. Questionado se o Brasil tem jeito, Álvaro Dias afirmou: “O Brasil tem jeito. Esses governos que estão aí é que não têm”, lembrando que existe um sistema fracassado que precisa ser mudado. “Temos que ter outro modelo de governar. Temos que acabar com esse balcão de negócios, com esse toma-lá-da-cá que existe no governo e na política brasileira.  Acabar com o aparelhamento do Estado como vemos nos governos. É por isso que falta dinheiro para a saúde, para a educação”, observa.

12 jul by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Câncer mata a ex-ministra da Igualdade Racial Luiza Bairros

LUIZA-BAIRROS_VALTERCAMPANATO

Morreu na manhã de hoje (12) em Porto Alegre, aos 63 anos, a intelectual e ativista do movimento negro Luiza Helena Bairros, ex-ministra da Secretaria de Políticas Públicas da Igualdade Racial, cargo que ocupou entre 2011 e 2014. Ela foi vítima de um câncer no pulmão, contra o qual lutava há três meses.

De acordo com informações da família, o corpo da ex-ministra será velado até amanhã (13), quando deve ser sepultado.

Uma das principais personalidades brasileiras da luta contra o racismo, Luiza passou os últimos anos em viagens pelo país realizando palestras e trabalhando intensamente na articulação do movimento negro, atividade que desempenhava há mais de 40 anos.

11 jul by João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Dilma ainda não decidiu se participa da abertura da Olimpíada

DILMA5
A presidenta afastada Dilma Roussef, foi convidada oficialmente nesta segunda-feira (11) pelo Comitê Olímpico Internacional para participar da abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em agosto. De acordo com a assessoria de imprensa de Dilma, ela ainda não decidiu se comparecerá ou não à cerimônia.

Agendada para a noite do dia 5 de agosto no Estádio do Maracanã, a solenidade de abertura, que conta com desfile das delegações e espetáculos, é um dos eventos mais aguardados dos jogos. Na sexta-feira (9), ao conceder entrevista a um jornal português, a presidenta afirmou que avaliaria a possibilidade de ir. Ela informou que não irá caso “haja condições que a diminuam”.

9 maio by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Waldir Maranhão anula votação do impeachment na Câmara

WALDIRMARANHAO1_GUSTAVOLIMACAMARADOSDEPUTADOS
Waldir Maranhão, presidente interino da Câmara dos Deputados

O presidente interino da Câmara dos Deputados, deputado Waldir Maranhão (PP-MA), anulou hoje (9) as sessões do dias 15, 16 e 17 de abril, quando os deputados federais aprovaram a continuidade do processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Ele acatou pedido feito pela Advocacia-Geral da União (AGU).  A informação é da presidência da Câmara.

Com a aprovação na Câmara, o processo seguiu para o Senado. Waldir Maranhão já solicitou ao presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), a devolução dos autos do processo. O presidente interino da Câmara determinou nova sessão para votação do processo de impeachment na Casa, a contar de cinco sessões a partir de hoje (9).

Vícios no processo

Waldir Maranhão, que assumiu a presidência após afastamento de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acolheu os argumentos do advogado-geral da União (AGU), José Eduardo Cardozo, por entender que ocorreram vícios no processo de votação, tornando-a nula.

Ele considerou que os partidos políticos não poderiam ter fechado questão ou orientado as bancadas a votarem de um jeito ou de outro sobre o processo de impeachment. “Uma vez que, no caso, [os deputados] deveriam votar de acordo com suas convicções pessoais e livremente”, diz nota do presidente interino divulgada à imprensa.

Maranhão também considera que os deputados não poderiam ter anunciado publicamente os votos antes da votação em plenário em declarações dadas à imprensa. Considerou ainda que o resultado da votação deveria ter sido formalizado por resolução, como define o Regimento Interno da Casa.

Governo

O vice-líder do governo, Sílvio Costa (PTdoB-PE), foi o primeiro a comentar a medida e comemorou o que chamou de “decisão constitucional”, mas lembrou que agora é preciso aguardar o posicionamento do presidente do Senado, Renan Calheiro (PMDB-AL).

 
Fonte: Agência Brasil
Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados

14 mar by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Dilma escolhe Eugênio Aragão para o Ministério da Justiça

EUGGENIOARAGAO1

A presidenta Dilma Rousseff decidiu substituir o atual ministro da Justiça, Wellington César Lima e Silva, que assumiu no início do mês. Em seu lugar, ela nomeou o sub-procurador-geral da República Eugênio José Guilherme de Aragão(FOTO).

Na semana passada, o Supremo Tribunal Federal decidiu que Wellington deveria pedir exoneração do cargo de promotor de Justiça do Ministério Público da Bahia, caso quisesse permanecer no cargo. A decisão foi tomada após questionamento feito à Corte sobre a impossibilidade de membros do Ministério Público assumirem cargos do Executivo.

A mudança foi informada há pouco pelo Palácio do Planalto, por meio de nota à imprensa. O comunicado informa que o próprio Wellington Silva apresentou pedido de demissão. Segundo o texto, Dilma o agradece pelo “seu compromisso e desprendimento”.

 

Fonte: Agência Brasil

14 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Governo limita uso de carros oficiais e viagens em primeira classe

DILMA7_ANTONIOCRUZAGBRASIL
O decreto foi assinado pela presidenta Dilma Rousseff para reduzir gastos

Decreto publicado na edição de hoje (14) do Diário Oficial da União restringe o uso de carros oficiais e viagens em primeira classe por autoridades governamentais. A medida tem a finalidade de reduzir gastos públicos e faz parte das ações de melhoria da gestão, anunciadas pelo governo no começo de outubro.  As regras valem para a administração pública federal direta, autárquica e fundacional.

O decreto limita o uso de carro oficial de representação, de uso exclusivo, à presidenta da República, ao vice-presidente, ministros, comandantes da Forças Armadas e ex-presidentes da República. Para os demais cargos, a regra é o uso compartilhado de veículos oficiais. Antes, tinham direito a carro exclusivo os dirigentes de autarquias e fundações da administração pública federal, chefes de gabinete e dirigentes de órgãos federais nos estados, entre outros cargos.

“[Essa medida] destina-se à otimização do uso da frota, no âmbito dos órgãos e das entidades da administração pública federal, de modo que os veículos sejam organizados para utilização integrada pelas referidas autoridades”, prevê o decreto. O documento também proíbe o uso de carro oficial para ir a locais de embarque e desembarque de viagens a serviço quando o servidor receber verba de deslocamento para custear esses trechos.

Primeira classe

Para as passagens aéreas de viagens a serviço nacional e internacional, o decreto limita a emissão de bilhetes na primeira classe à presidenta e ao vice-presidente da República. Ministros, secretários de Estado e comandantes das Forças Armadas, que antes detinham o direito, agora voarão de classe executiva.

Aos demais cargos, a regra é a compra de passagens na classe econômica, inclusive para os titulares de representações diplomáticas brasileiras, presidentes de estatais, oficiais-generais e outras categorias que antes tinham direito a voar na classe executiva.

As regras entram em vigor imediatamente, e o texto prevê que o Ministério do Planejamento pode tomar medidas complementares para garantir o cumprimento do decreto.

 

Fonte: Agência Brasil
Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

13 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Terceira liminar do STF impede rito de impeachment definido por Cunha

ROSAWEBERMINISTRASTF

Uma nova decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), proferida pela ministra Rosa Weber (FOTO), suspendeu hoje (13) os efeitos do rito definido por Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para processos de impeachment contra a presidenta Dilma Rousseff, em tramitação na Câmara dos Deputados.

A liminar da ministra é a terceira concedida hoje no Supremo para impedir Cunha de receber denúncia  de crime de responsabilidade contra a presidenta com base no rito definido por ele. A decisão não cita se o presidente da Câmara está impedido de adotar outro rito. A ministra atendeu a pedido liminar dos deputados Paulo Pimenta (PT-RS) e Paulo Teixeira (PT-SP).

Na sessão do dia 23 de setembro,  Cunha respondeu a uma questão de ordem apresentada pelo deputado federal Mendonça Filho (DEM-PE) sobre como seria o rito de cassação do presidente da República por crime de responsabilidade.

Entre as regras definidas por Cunha estava a previsão de recurso ao plenário da Câmara em caso de recusa do pedido de abertura de impeachment.  Após Cunha responder aos questionamentos, deputados governistas recorreram da decisão do presidente. Mas os questionamentos foram respondidos em forma de questão de ordem, sem que o plenário da Casa analisasse pedido de efeito suspensivo para que a decisão não passasse a vigorar imediatamente.

Na decisão, Rosa Weber impede que Eduardo Cunha prossiga com a abertura de processo de impeachment contra presidenta Dilma com base no rito adotado por ele na sessão de 23 de setembro. A decisão vale até o julgamento do mérito da questão pelo plenário do STF.

“Concedo a medida acauteladora para, nos moldes pretendidos, suspender os efeitos da decisão proferida pelo presidente da Câmara dos Deputados em resposta à Questão de Ordem nº 105/2015, bem como os atos que lhe são decorrentes, até o julgamento final da reclamação, e para determinar à autoridade reclamada que se abstenha de receber, analisar ou decidir qualquer denúncia ou recurso contra decisão de indeferimento de denúncia de crime de responsabilidade contra presidente da República com base naquilo em que inovado na resposta à Questão de Ordem 105/2015″, decidiu a ministra.

Mais cedo, o ministro do Supremo Teori Zavascki concedeu liminar suspendendo os efeitos do rito definido por Eduardo Cunha. A ministra Rosa Weber concedeu uma segunda liminar com os mesmos efeitos, atendendo a pedido do deputado federal Rubens Pereira e Silva Junior (PCdoB-MA).

 

Fonte: Agência Brasil

7 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Senador tucano diz não ter dúvidas das irregularidades nas contas do governo

ALOYSIONUNES2

Em entrevista ao programa Espaço Público, da TV Brasil, o senador Aloysio Nunes (FOTO), do PSDB paulista, disse nessa terça-feira (6) que, no seu entender, o governo da presidenta Dilma Rousseff cometeu irregularidades em relação à lei orçamentária e de responsabilidade fiscal nas contas do ano passado. Mas, segundo ele, é preciso esperar a decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) que se reúne hoje (7) para julgar as contas. “Temos que esperar a decisão, que é uma decisão que sugere, propõe ao Congresso, aprovar ou rejeitar, mas ela não é terminativa. Quem decide é o Congresso, então temos que nos reunir depois. Na minha visão, pelo que vi até agora, não tenho dúvidas de que a presidente Dilma cometeu irregularidades graves”, disse.

Outro assunto abordado durante a entrevista com Nunes foi sobre as denúncias contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acusado pelo Ministério Público (MP) da Suíça de ter contas em um banco no país. O inquérito que foi remetido para a Procuradoria-Geral da República. Assim, Cunha passará a ser investigado, no Brasil, por suspeita dos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção e suposto recebimento de propina no âmbito da Operação Lava Jato. Perguntado sobre como ficaria a situação presidente da Câmara, caso sejam comprovadas as denúncias, o senador considerou as acusações graves. “Se isso for comprovado, acho insustentável a posição dele [Cunha]”.

Durante o programa, o senador Aloysio Nunes foi perguntado também sobre as declarações do ex-ministro do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, que em sua conta oficial na rede social Twitter criticou o comportamento de políticos que, mesmo com o país com problemas econômicos, “só pensam numa coisa: no dinheiro das empresas!”. “É um julgamento muito severo porque não faz justiça a todos os políticos. Generaliza casos que são graves, são constrangedores mas que não caracterizam todos os políticos”, disse o senador.

Outro ponto abordado foi o da militância de Nunes durante a resistência à ditadura militar de 1964, na Ação Libertadora Nacional (ALN) de Carlos Marighella. Para o senador, foi uma fase de sua vida em que acreditava ser seu dever se opor de maneira radical ao regime militar, mas que hoje entende que foi um erro. “Havia na época um clima no Brasil, e mesmo no mundo, que valorizava estas formas de luta mais extremada, de luta armada. Mas eu acho que foi um erro brutal, gravíssimo. Gravíssimo pelas consequências, pela perda de vidas, por termos, inclusive, cutucado a onça com vara curta, dando pretexto para o recrudescimento do regime. E foi uma luta contra aquele regime travada a partir de uma perspectiva que não era democrática. A nossa perspectiva na época não era democrática”.

Após a gravação do programa, Aloysio Nunes falou à Agência Brasil sobre a abertura de inquérito pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar suposto crime eleitoral cometido pelo senador. O inquérito foi solicitado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, com base em depoimentos de delação premiada do presidente da empreiteira UTC, Ricardo Pessoa, investigado na Operação Lava Jato. De acordo com o informado na delação, o senador teria recebido e não declarado doações em dinheiro para campanha eleitoral. “Esse inquérito não tem o menor fundamento. Não recebi esse dinheiro e não poderia ter declarado o que não recebi. Tenho como provar isso”, afirmou o senador.

 

Fonte: Agência Brasil

2 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Saiba quem são os novos ministros do governo Dilma Rousseff

ALDOREBELO1
Ministro da Defesa, Aldo Rebelo, é escritor e jornalista, foi eleito seis vezes deputado federal por SP pelo PCdoB

A presidenta Dilma Rousseff anunciou hoje (2) a reforma ministerial e administrativa proposta pelo governo. Veja abaixo a lista com os novos nomes e suas respectivas pastas:

Ricardo Berzoini – Secretaria de Governo
Bancário, iniciou sua militância no Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região, em 1985. Foi fundador e primeiro presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf).
Eleito deputado federal pelo PT quatro vezes (1998, 2002, 2006 e 2010), no final de 2005, foi eleito presidente nacional do partido. Em 2007, foi reeleito presidente nacional do PT. No governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi ministro da Previdência Social (2003-2004), quando esteve à frente da reforma da Previdência, e depois assumiu a pasta do Trabalho e Emprego (2004-2005).
Na gestão da presidenta Dilma Rousseff foi ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República (2014). Berzoini tomou posse como ministro das Comunicações no início de 2015.

Miguel Rossetto – Ministério do Trabalho e Previdência Social
É formado em Ciências Sociais pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Foi vice-governador do Rio Grande do Sul, na gestão Olívio Dutra, e deputado federal pelo PT em 1994.
Em 2003, foi nomeado para o cargo de ministro do Desenvolvimento Agrário. Em 2006, Rossetto deixou o governo para tentar uma vaga no Senado, mas não foi eleito. Dois anos depois, assumiu a presidência da Petrobras Biocombustível, subsidiária da Petrobras.
Em março de 2014, foi nomeado novamente ministro do Desenvolvimento Agrário e deixou o cargo em setembro do mesmo ano para trabalhar na coordenação da campanha para a reeleição de Dilma. No segundo governo da presidenta Dilma Rousseff assumiu a Secretaria-Geral da Presidência da República.

Nilma Lino Gomes – Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos
Natural de Belo Horizonte, é pedagoga, professora Universidade Federal de Minas Gerais e pesquisadora das áreas de Educação e Diversidade Étnico-racial, com ênfase especial na atuação do movimento negro brasileiro.
Foi a primeira mulher negra a chefiar uma universidade federal ao assumir, em 2013, o cargo de reitora pro tempore da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Também integrou, de 2010 a 2014, a Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação, onde participou da comissão técnica nacional de diversidade para assuntos relacionados à educação dos afro-brasileiros. Estava no comando da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República

Marcelo Castro – Ministério da Saúde
É formado em medicina pela Universidade Federal do Piauí e doutor em psiquiatria. Filiado ao PMDB, construiu carreira política no Piauí e está no quinto mandato de deputado federal. É o atual presidente da executiva estadual do PMDB.
Foi eleito deputado estadual em 1982, 1986 e 1990. Ocupou a presidência do Instituto de Assistência e Previdência do Estado do Piauí e foi secretário de Agricultura do estado.
Neste ano, foi relator da Comissão Especial para a Reforma Política, na Câmara dos Deputados, que ouviu parlamentares e especialistas para elaborar um relatório com a proposta de reforma política.

Aloizio Mercadante – Ministério da Educação
Deixa a Casa Civil. Graduado em Economia pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em Ciência Econômica e doutor em Teoria Econômica, é professor licenciado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e da Unicamp.
Filiado ao PT, foi eleito deputado federal em dois mandatos (1991-1995 e 1999-2003) e senador da República (2003-2011). Em 2006, foi candidato ao governo de São Paulo. Ocupou o cargo de ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação entre 2011 e 2012 e da Educação entre 2012 e 2014. Deixou o Ministério da Educação para assumir a Casa Civil.

Jaques Wagner – Casa Civil
Iniciou sua militância na capital carioca no final dos anos 60, quando presidiu o diretório acadêmico da faculdade de Engenharia Civil da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio).
Vive em Salvador desde 1974, onde iniciou sua carreira profissional na indústria petroquímica. Foi deputado federal pelo estado por três vezes (1990-2002) e governador da Bahia por dois mandatos consecutivos (2007-2014).
Durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foi Ministro do Trabalho e Emprego (2003), da Secretaria Especial do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República (2004 -2005) e do Ministério das Relações Institucionais (2005-2006).

Aldo Rebelo – Ministério da Defesa
Escritor e jornalista, foi eleito seis vezes deputado federal por São Paulo pelo PCdoB. Foi presidente da Câmara dos Deputados e líder do governo e do PCdoB na Câmara. Em 2009, foi relator da Comissão Especial do Código Florestal Brasileiro e da Lei de Biossegurança.
Aldo Rebelo foi nomeado ministro do Esporte em outubro de 2011. Permaneceu no cargo até dezembro de 2014. Coordenou a Copa das Confederações de 2013, a Copa do Mundo de 2014 e os preparativos para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016.
Em dezembro de 2014, Rebelo foi indicado pela presidenta da República Dilma Rousseff para ocupar o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

Celso Pansera – Ministério da Ciência,Tecnologia e Inovação
É graduado em Literatura pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e pós-graduado em Supervisão Escolar. Em 1992, fundou a Frente Revolucionária, embrião do futuro PSTU. Em 2001, filiou-se ao PSB e passou a fazer parte da Executiva Municipal do partido em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Em 2007, assumiu uma diretoria na Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) e, no início de 2009, tornou-se presidente da Faetec, onde ficou até 2014.
Em seu primeiro mandato como deputado federal (PMDB-RJ), Pansera é presidente da Comissão Especial de Crise Hídrica do Brasil, membro titular da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras e da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, além de suplente na Comissão de Educação.

Helder Barbalho – Secretaria de Portos
É filho do senador Jader Barbalho (PMDB-PA), um dos caciques do partido, e da deputada federal Elcione Therezinha Zahluth. Já foi vereador, deputado estadual e prefeito de Ananindeua (PA). Desde janeiro deste ano, ele ocupa o cargo de ministro da Secretaria de Pesca e Aquicultura.
Natural de Belém, Helder tentou eleger-se governador do Pará pela primeira vez em 2014, mas perdeu para Simão Jatene (PSDB).
Formado em Administração, começou a carreira política há 15 anos, quando foi eleito o vereador mais votado de Ananindeua, com 4,2 mil votos. Em 2002, elegeu-se deputado estadual. Aos 25 anos, foi eleito o prefeito mais jovem da história do Pará. Em 2008, foi reeleito prefeito de Ananindeua. Helder é casado com a advogada Daniela Lima Barbalho e tem três filhos. É o presidente em exercício do PMDB no Pará.

André Figueiredo – Ministério das Comunicações
É deputado federal pelo PDT do Ceará, eleito em 2014, mas já exerceu o cargo de 2003 a 2007 e de 2011 a 2015.
Natural de Fortaleza, é advogado e economista. Filiou-se ao PDT em 1984 e entrou na vida pública em 1994 como subsecretário da Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Ceará. Também foi secretário do Esporte e Juventude do estado de 2003 a 2004. No Ministério do Trabalho e Emprego foi assessor especial em 2007 e secretário executivo de 2007 a 2010.

 

Fonte: Agência Brasil

6 set by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Temer repudia “conspirações” e “intrigas” e diz que não é “frasista”

MICHELTEMER1_BRASIL247COM
A assessoria do vice-presidente da República, Michel Temer, divulgou nota pública hoje (6) para repudiar as análises das atitudes do político que, segundo o texto, podem “levar à ideia de conspiração”. Na última semana, Temer disse a empresários em São Paulo que “nenhum governo resiste três anos e meio com a popularidade baixa”, como a da presidenta Dilma Rousseff.

Na nota deste domingo, a assessoria do vice-presidente ressaltou que ele não é um “frasista” e que “sabe até onde pode ir”. “Em mais de 30 anos de vida pública, o vice-presidente da República, Michel Temer, sempre expôs suas posições políticas de forma aberta e franca. Como acadêmico, seus raciocínios têm premissa e conclusão. Não é frasista. Não se move pelos subterrâneos, pelas sombras, pela escuridão.”

O texto prossegue afirmando que Temer age nos limites de seu cargo e dentro da lei. A nota procura rechaçar as “intrigas” e reitera que ele quer colaborar com a presidenta Dilma para a superação da atual crise enfrentada pelo país. “[Ele] trabalha e trabalhará junto à presidente Dilma Rousseff para que o Brasil chegue a 2018 melhor do que está hoje. Todos seus atos e pronunciamentos são nessa direção. Defende que todos devem se unir para superar a crise. Advoga que a divisão e a intriga são hoje grandes adversárias do Brasil e agravam a crise política e econômica que enfrentamos.”

Por fim, a nota da assessoria do vice-presidente diz que “a hora é de união” e que o compromisso dele é com “a mais absoluta estabilidade das instituições nacionais”.

 

Fonte: Agência Brasil
Foto: www.brasil247.com

17 ago by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Auditores da Receita Federal entrarão em greve a partir de quarta-feira

RECEITAFEDERAL1_AMAZONASATUALCOMBR
O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindifisco Nacional) informou hoje (17) que a categoria inicia paralisação por tempo indeterminado a partir de quarta-feira (19). Segundo o sindicato, os serviços prestados à população serão mantidos, entre eles a restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) e a fiscalização de bagagem acompanhada e desacompanhada, de perecíveis, medicamentos, fornecimento de bordo, tripulações, animais vivos e urnas mortuárias. A assessoria de comunicação do Sindifisco informou que serão interrompidas atividades relacionadas à arrecadação, como fiscalização de empresas e lançamento de créditos tributários. Segundo a assessoria, a orientação do sindicato nacional é para que a população não seja afetada por contratempos como filas nos aeroportos, como ocorreu semana passada, quando os auditores fizeram operação padrão no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro. Segundo a assessoria, o ato foi uma decisão local. Os auditores reivindicam reajuste de 35% para o teto salarial e de 55% para o piso, além de aprovação da Proposta de Emenda à Consituição (PEC) 186, que garante autonomia financeira e orçamentária da Receita Federal e autonomia funcional aos auditores, e regulamentação da Lei Orgânica do Fisco e alteração do Regimento Interno da Receita, com reforço da autoridade dos auditores. (Com informações da Agência Brasil)

=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=.=

GRATIFICAÇÕES
Por proposição do deputado Kelps Lima (SDD), a Assembleia Legislativa realiza nesta terça-feira (18), a partir das 14h30, audiência pública sobre a retirada das gratificações dos servidores aposentados da Secretaria Estadual de Saúde do RN (Sesap).

GRATIFICAÇÕES 2
O Sindicato dos Servidores da Saúde está convocando a categoria para ir “em peso” à audiência pública. E na quarta-feira, 19, os grevistas promoverão ato público as 9 horas, no Hospital Deoclécio Marques, em Parnamirim. Na quinta, será a vez do Hospital Regional de São José de Mipibu ser palco do ato dos servidores em greve.

CADEIA
O motorista flagrado neste fim de semana, com sinais de embriaguez dirigindo uma ambulância com documentação atrasada, chama-se Jorge e está lotado no Hospital Dr. Ruy Pereira. Até o final da manhã de hoje, continuava preso, no conjunto Pirangi, zona Sul de Natal, por não ter como pagar, segundo fontes do colunista, uma fiança de mil reais.

PROERD
Coordenadores e agentes orientadores da Policia Militar do Rio Grande do Norte estiveram, na sexta-feira (14), em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, para desenvolver, em parceria com a Prefeitura Municipal, através das secretarias de Defesa Social e Educação, o “Segurança Começa na Escola” ações educativas do Programa Educacional de Resistência às Drogas na Escola – PROERD.

PROERD 2
A intervenção preventiva realizada em todo Estado tem como objetivo orientar por meio de palestras, músicas, ações de cidadania e atividades lúdicas o perigo do uso das drogas, violência na escola e principalmente regras de boa convivência. O evento foi realizado simultaneamente nas escolas Dom Joaquim de Almeida, Élia Barros, Dr. Otaviano na sede do município e Roberto Freire em Santo Antônio do Potengi, que apresentam vulnerabilidade com problemas de segurança e convivência.

RECOMPENSA
O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, anunciou hoje (17) uma recompensa da R$ 50 mil por informações que ajudem a elucidar a chacina ocorrida na Grande São Paulo na noite da última quinta-feira (13), quando 18 pessoas foram assassinadas, em um intervalo de duas horas, nos municípios de Osasco, Barueri e Itapevi.

RECOMPENSA 2
Para receber a recompensa, o denunciante deve repassar as informações pelo sistema do Web Denúncia. A página funciona 24h por dia e garante o anonimato do informante. “A polícia está toda empenhada em esclarecer e prender os criminosos. Quem tiver informações e der uma indicação que leve ao esclarecimento do crime ou à prisão dos criminosos terá a recompensa”, disse o governador.

NOVA CASA
O juiz federal Sergio Moro autorizou hoje (17) a transferência de três presos na Operação Lava Jato para o Complexo Médico Penal em Pinhais (PR), presídio localizado na região metropolitana de Curitiba. Celso Araripe, ex-funcionário da Petrobras, Flávio Barra, ex-executivo da Andrade Gutierrez, e o ex-diretor da Área Internacional da estatal Jorge Zelada deixarão a carceragem da Superintendência da Polícia Federal nos próximos dias.

CÂNCER
Esse ano, o número de novos casos de câncer de cabeça e pescoço devem ser superior a 19 mil. Os números são do Instituto Nacional de Câncer (INCA). Nos casos diagnosticados até agora, 70% dos pacientes descobriram a doença já em estágio avançado. Sobre este índice alarmante o Dr. Rostand Lanverly, cirurgião de cabeça e pescoço, explica que isto se deve sobretudo a falta de informação dos pacientes e da classe médica, de uma maneira geral. “Algo muito comum na nossa área é a desinformação que faz com que o paciente não saiba qual o profissional ele deve procurar. Então é preciso orientar a população para que eles possam chegar mais cedo ao profissional correto e ser diagnosticado o quanto antes”.

FICA PIOR
Apesar do escândalo de corrupção identificado na Operação Lava Jato e da economia brasileira patinando, os pedidos de impeachment da presidente Dilma Rousseff não devem ser levados adiante e a comandante deve permanecer no Planalto porque seria substituída por um “político medíocre”.

FICA PIOR 2
O diagnóstico é do jornal britânico de economia Financial Times, uma das principais publicações da área no mundo. O editorial do diário conservador do último domingo (16) destaca os principais problemas brasileiros, mas avisou que a situação pode ficar pior.

SÓ TEM MENINO BESTA
Acabaram de inventar, nos Estados Unidos, uma máquina que captura ladrões: prenderam 2000 ladrões.
Depois, levaram a nova invenção para a China e prenderam mais de 1500 ladrões. Utilizaram a nova máquina também na Argentina; resultado: mais de 3000 prisões. Não deu outra, trouxeram a novidade para o Brasil, foram utilizá-la lá em Brasília, nossa capital: roubaram a máquina…..

Entre em contato comigo:
E-mail: [email protected]
WhatsApp: (84) 9 9401-5905
Twitter: @joaoricardo_rn

Fale no ZAP