24 jul by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Pré-candidata à vereadora: jornalista Nelly Carlos defende ética e moralidade na política

NELLY-CARLOS
Nelly Carlos defende ética, moralidade e uma cidade prestando serviços de qualidade aos cidadãos

Joaquim Pinheiro

Filiada ao PV desde 2013, a jornalista Nelly Carlos Maia, que até pouco tempo presidiu o Sindicato dos Jornalistas do Rio Grande do Norte, decidiu assumir  um grande desafio: a convite do então senador Paulo Davim, entrou na vida pública e será candidata à vereadora em Natal nas eleições deste ano, mesmo sabendo ser uma tarefa árdua e difícil.

Entretanto, Nelly diz que é uma pessoa determinada e que não foge à luta. “Temos que mudar o perfil dos políticos brasileiros, porque a situação só piora, daí minha decisão de disputar um mandato eletivo em Natal para cobrar melhorias para a saúde, por exemplo”, disse ela, sugerindo inovações que passa por um maior comprometimento dos vereadores, como adotar espaços públicos através de sorteio (posto de saúde, praças, escolas) para que fiquem sob a responsabilidade do legislador e assim cuidar da estrutura física e das demandas, também. “Melhora o atendimento e os serviços oferecidos à população”, sugere a pré-candidata do PV, dizendo ainda, que “o vereador deve ser o facilitador dos serviços públicos para atender a população”.

20 jul by João Ricardo Correia Tags:, , , , , , ,

Gilson Moura mantém contatos em Parnamirim e se aproxima da pré-candidatura de Kelps Lima

GILSON_E_MICARLA_FRANKIEMARCONE
Gilson e Micarla eram alguns dos mais animados, na época que ocorreu a convenção que confirmou candidatura de Rosalba Ciarlini ao governo do RN (Foto: Frankie Marcone)

João Ricardo Correia

Engana-se quem pensa que o ex-deputado estadual Gilson Moura está “morto” na política potiguar, depois de ter sido afastado pela Justiça Federal, em 2014, do seu mandato, sob acusação de envolvimento em um esquema de corrupção no Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte, e perdido duas vezes a disputa pela prefeitura de Parnamirim, para Maurício Marques. O “advogado do povo” continua conectado nos bastidores do processo eleitoral.

KELPS_APOIO_PRP
Kelps registrou encontro com Adriana Trindade, Tomaz Sena, Thiago Moura e Nildo Rodrigues

Fontes do Portal Companhia da Notícia revelam que Gilson, mesmo evitando aparições públicas frequentes, continua conversando com lideranças políticas e comunitárias da cidade “Trampolim da Vitória”. E em Natal, ele estaria sendo “muito bem representado” por seu primo e ex-assessor de gabinete na ALRN, Thiago Moura, presidente do Partido Republicano Progressista (PRP), que declarou apoio nesta terça-feira, 19, à pré-candidatura do deputado estadual Kelps Lima a prefeito de Natal. O presidente estadual do PRP e ex-vereador em Macaíba Tomaz Sena, além de dois pré-candidatos a vereador, Adriana Trindade e Nildo Rodrigues, também defendem a eleição de Kelps.

16 jul by João Ricardo Correia Tags:, , ,

Senador Álvaro Dias acredita que o “ciclo petista” chegou ao fim

ALVARO_DIAS_KALINAVELOSO
Presidente do PV no RN, Rivaldo Fernandes; governador Robinson Faria; senador Álvaro Dias e o deputado estadual Jacó Jácome (Foto: Kalina Veloso)

 

Joaquim Pinheiro

O senador Álvaro Dias, do Paraná, que se encontra em Natal participando de eventos do seu partido, o PV, entende que um possível retorno de Dilma Rousseff ao cargo de presidente da República “seria traumático” para o Brasil e que o processo de impeachment é legítimo e tem razões de natureza política e jurídica.

Segundo ainda o senador paranaense, que é uma das referências do senado, o PMDB também não tem condições de governar o País, a exemplo do PT, “porque são tolerantes ao fracasso”. Questionado se o Brasil tem jeito, Álvaro Dias afirmou: “O Brasil tem jeito. Esses governos que estão aí é que não têm”, lembrando que existe um sistema fracassado que precisa ser mudado. “Temos que ter outro modelo de governar. Temos que acabar com esse balcão de negócios, com esse toma-lá-da-cá que existe no governo e na política brasileira.  Acabar com o aparelhamento do Estado como vemos nos governos. É por isso que falta dinheiro para a saúde, para a educação”, observa.

21 nov by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

“Mulher Vulcão” e Camarada Leto são apostas do PV para a Câmara de Natal

MULHERVULCAOECAMARADALETO1

Sheila Oliveira, que mostrava seus atributos físicos na orla marítima central de Natal usando minúsculos biquínis, popularmente conhecida como “Mulher Vulcão”, e o Camarada Leto, ex-candidato a governador do RN, pretendem disputar vagas na Câmara Municipal de Natal, no próximo ano, pelo PV.

A “Mulher Vulcão” tem mais de dois milhões de visualizações do Youtube, onde aparece andando perto do Midway Mall, em Natal, e dançando na praia. Ela vai defender as mulheres negras e o combate à gordofobia. Camarada Leto defende a legalização da maconha como forma de acabar com o tráfico de drogas.

Ambos foram convidados pelo presidente municipal do partido, Roberto Lopes,  e aceitaram o convite.

Veja vídeos da “Mulher Vulcão”:

 

 

22 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Permanência de vereador no PV estaria “praticamente insustentável”

PARTIDOVERDE1

Após a matéria publicada pelo Portal Companhia da Notícia, nesta manhã, com o vereador Luiz Almir demonstrando insatisfação com o PV, seu partido, dizendo que gostaria de ser valorizado pela legenda, fontes deste colunista, com trânsito livre nos gabinetes da Câmara Municipal de Natal e na Assembleia Legislativa do RN, revelaram que a situação é “praticamente insustentável”.

De acordo com as fontes, o presidente estadual do Partido Verde no RN, Rivaldo Fernandes, tem centralizado nele todas as ações da legenda e já teria conversado com o governador Robinson Fria, com o deputado estadual Fernando Mineiro, com representantes do PSB e PMDB, entre eles o ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves, sem tratar do que foi falado com o único detentor de mandato do PV em Natal, justamente o vereador Luiz Almir.

“O pessoal do Diretório do PV tem dito que Luiz Almir, por ser vereador, por ter sido deputado duas vezes e até por ser citado como possível candidato a prefeito, no próximo ano, devia ser mais considerado pela direção do partido, mas ele não é nem avisado de nada”, disse uma das fontes.

No próximo dia 28, de acordo com as fontes, será veiculada, no rádio e TV, a propaganda eleitoral gratuita do PV e a expectativa, agora, gira em torno da aparição, ou não, de Luiz Almir, uma vez que Rivaldo Fernandes teria gravado sua participação e poderia ser o único a ter sua imagem atrelada ao partido, naquela ocasião.

Confira a entrevista concedida por Luiz Almir: http://companhiadanoticia.com.br/luiz-almir-interessa-ficar-num-partido-que-me-prestigie/

22 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Luiz Almir: “interessa ficar num partido que me prestigie”

LUIZALMIR20152_JRC
Luiz Almir: “Se minha saúde permitir, pretendo ser candidato à reeleição”

 

O vereador Luiz Almir, que está cada vez mais decidido a ser candidato à reeleição no próximo ano, demonstra insatisfação com seu partido, o PV, reforça que foi convidado a integrar outras legendas e reafirma que o prefeito de Natal, Carlos Eduardo, em conversa recente, disse que não gostaria de tê-lo como adversário, mas, sim, como aliado para ser mais uma vez eleito chefe do executivo municipal.

Luiz Almir concedeu entrevista ao Portal Companhia da Notícia nesta quarta-feira (21) pela manhã. Sobre o encontro com Carlos Eduardo, disse: “O prefeito me chamou e disse que uma das campanhas mais difíceis que ele teve foi em 2004, quando me enfrentou e gostaria que a gente saísse juntos, sem disputar mais uma vez. Eu disse a ele que não tinha mais essa pretensão de sair mais candidato a refeito, mas eu não poderia assegurar, pois o futuro a Deus pertence. Hoje, minha vontade, se tiver saúde, é ir para minha reeleição”.

O vereador-seresteiro, que cumpre seu terceiro mandato e já foi deputado estadual duas vezes, também esteve com o governador Robinson Faria nos últimos dias: “O governador me chamou para ir para o lado dele, porque disse que quer se fortalecer em Natal e acha que ficaria forte comigo ao lado dele. Ele tem um compromisso com o PT, mas precisa o PT viabilizar. Outros partidos pequenos têm me procurado, até os de oposição, até os radicais (sem citar nomes), pedindo para eu ser candidato, para ter o segundo turno e quem ficar ter o apoio dos outros. Isso me deixa muito feliz, mas repito: se tiver saúde, vou pra minha reeleição”.

APOIO DE COLEGAS

Luiz Almir revela que o PRB está ligado ao Bispo Francisco de Assis (PSB), um dos líderes da Igreja Universal do Reino de Deus: “O bispo me disse que se eu for candidato a prefeito terei o apoio dele, da maioria dos evangélicos e  eu poderia até ser o presidente estadual do PRB se eu for candidato a prefeito. Eu disse ao bispo que me honraria muito, mas eu não posso ir para um partido já com o compromisso de ser candidato a prefeito, pois eu gosto de honrar com minha palavra e hoje sou candidato à reeleição”.

De acordo com Luiz Almir, que diariamente apresenta programas na rádio 96 FM e na Band, o vereador Júlio Protásio também disse na Câmara Municipal que se tem um motivo para não votar em Carlos Eduardo é que Almir seja candidato a prefeito, porque é popular, querido e conhecido dentro dos trabalhos de base. “Ele disse isso no plenário da Casa”, ressalta.

Ainda segundo Luiz Almir, os vereadores Ubaldo Fernandes e Aroldo Alves também o incentivam a ser candidato a prefeito. “Isso não que dizer que eles votariam ou pediriam votos para mim, mas me incentivar, eles incentivam”.

DESPRESTIGIADO

Luiz Almir aponta para a insatisfação no PV quando afirma: “Já me convidaram para outros partidos, mas eu estou no PV. Eu só espero que o PV me valorize, me prestigie, como eu prestigiei o partido em seus momentos mais difíceis. Estou tão desprovido de vaidade, que eu era o presidente do PV em Natal e entreguei a presidência, porque não me interessa ficar num partido porque sou presidente. Me interessa ficar num partido que me prestigie”.

COMPROMISSOS DE CARLOS EDUARDO COM A ZONA NORTE

“O prefeito me assegurou a conclusão da Alameda da Paulistana, que está em obra. Assegurou a conclusão da duplicação da Maranguape, que a obra está parada, mas ele disse que será retomada. Assegurou uma praça ecológica na lagoa de captação do Panatis, que eu até destinei recursos para isso no orçamento. Assegurou uma reforma na Área de Lazer da Panatis, mas ele queria fazer um teatro lá, mas não tem recurso. Então, estou vendo com ele se a gente consegue fazer, com a Fiern, uma biblioteca. A Fiern constrói uma biblioteca padrão, muito bonita, e a prefeitura cede o local dentro da Área de Lazer. Me assegurou onze ruas e travessas na Vila Paraíso, dessas faltam apenas quatro. E me disse que até dezembro não podia avançar mais, porque está se preparando para pagar o décimo, está com dificuldade na folha de pagamento por causa dessa crise, mas que até o final de dezembro de 2016 ele entrega a zona Norte com 452 ruas pavimentadas e 100 por cento saneada, ele fazendo a drenagem e a Caern fazendo o saneamento, que já está fazendo. Espero que isto aconteça”.

 

 

Fotos: João Ricardo Correia

26 abr by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Rivaldo Fernandes: “filiação de Luiz Almir representa recuperação do tsunami da administração Micarla”

RIVALDOFERNANDES1_KALINAVELLOSO

O presidente do honra do PV, Rivaldo Fernandes (FOTO), entende que a filiação do vereador Luiz Almir ao Partido Verde representa “a volta da legenda ao cenário político da capital”. Segundo ele, num passado próximo, o PV chegou a ser a segunda bancada de vereadores na capital do Estado, inclusive conquistando a Prefeitura de Natal, entretanto, “naufragou no tsunami ambiental-administrativo resultando no isolamento político da então prefeita Micarla de Sousa”. Para o agitador ecológico, faltou uma aliança política que fizesse de Natal uma cidade social e ambientalmente sustentável.

De acordo com Rivaldo Fernandes, a ascensão de Luiz Almir ao posto de presidente do Diretório do PV, significa também, a retomada de um perfil popular no comando da legenda na capital. O presidente de honra do PV destacou, ainda, o esforço que está sendo feito pelo presidente do Partido Verde no Estado objetivando reestruturar a legenda em todo o Rio Grande do Norte, preparando-se assim, para disputar o pleito do próximo ano com chances reais de eleger uma bancada expressiva de vereadores começando pela capital e projetando em todo o Estado.

Pré-candidato a vereador no vizinho Município de Parnamirim, Rivaldo Fernandes diz que vai manter um entendimento com o potencial candidato a prefeito apoiado pelo prefeito Maurício Marques, o secretário de Obras Naur Ferreira, objetivando a formalização de uma aliança para as eleições do próximo ano.

24 abr by João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Luiz Almir assume PV admitindo disputar Prefeitura de Natal no próximo ano

LUIZALMIRPOSSEPV_VALVALZINHO

O vereador Luiz Almir admite ser candidato a prefeito de Natal nas eleições do próximo ano, caso seja convocado pelo seu partido e reúna condições político-partidárias-eleitorais para que isso ocorra. Ele deu essa declaração momentos antes de assumir o Diretório Municipal do Partido Verde, em solenidade presidida pelo presidente estadual da legenda, ex-senador Paulo Davim, contando com a presenças do ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves; prefeito de Natal, Carlos Eduardo; deputados estaduais Kelps Lima e Jacó Jácome; vereadores Franklin Capistrano, Ubaldo Fernandes,  Klaus Rêgo, Aquino Neto e Raniere Barbosa, além do representante do Governo do RN, Hudson Pereira, do presidente de honra do PV, Rivaldo Fernandes, prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado e do vice-presidente do PV, Walter Fonseca.

“Vamos iniciar um processo de fortalecimento do PV, priorizando mais a qualidade dos seus quadros do que a quantidade”, disse Luiz Almir, reiterando que o seu projeto político será se reeleger vereador, mas deixando claro que gosta de enfrentar desafios. Em seguida, o vereador, que comemorou aniversário natalício dia 20 passado, foi prestigiado na Câmara Municipal  de Natal por representantes do PV de vários municípios e também correligionários e admiradores de diversos bairros da capital. “Assumo o PV com autonomia para cuidar de Natal”, ressalta Luiz Almir, acrescentando que o partido estará receptivo a conversações com vistas ao pleito de 2016.

Paulo Davim destacou a identificação que Luiz Almir tem com o povo de Natal, principalmente, segundo ele, por ser um político vocacionado e grande comunicador. “O PV se fortalece e se aprimora com a presença de Luiz Almir”, destaca o ex-senador, acrescentado que o projeto do partido é se reestruturar e crescer na capital e no Estado. “Historicamente, o PV tem tido bom desempenho em razão de ter uma proposta de defesa da sustentabilidade, e colocou esse assunto na agenda do Brasil e do mundo”, disse Paulo Davim.

Pré-candidato a prefeito de Natal, o deputado Kelps Lima, do Solidariedade, também prestigiou a ascensão de Luiz Almir à presidência do Diretório Municipal do PV. Disse que sua presença ao evento é em razão do apreço pessoal que tem pelo vereador, que considera um bom  candidato a prefeito de Natal.

 

 

Foto: Facebook de Val Valzinho

22 abr by João Ricardo Correia Tags:, , ,

Luiz Almir assumirá presidência do PV em Natal

LUIZALMIR20152_JRC
Vereador Luiz Almir lidera a audiência no Rádio FM, no RN, apresentando “O Povo no Rádio”, na 96 FM, das 6 às 7 horas

O vereador Luiz Almir, do PV, assumirá a presidência do Diretório Municipal do Partido na capital, na próxima sexta-feira, às 10 horas, na Câmara Municipal de Natal, em encontro que deverá ter a presença do governador Robinson Faria, presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira e demais autoridades constituídas. “Vamos trabalhar, tendo como principal meta o fortalecimento do PV na capital, enquanto no restante do Estado essa missão ficará sob responsabilidade do presidente estadual, ex-senador Paulo Davim”, disse o futuro dirigente municipal.

Segundo o ex-senador Paulo Davim, a partir de segunda-feira será iniciado um processo de discussão com vistas as eleições municipais do próximo ano, quando o PV poderá ter candidatura própria à Prefeitura de Natal ou efetivar entendimentos para apoiar outra candidatura. Além disso, de acordo com o presidente estadual, serão intensificadas conversações para formação de uma nominata expressiva para vereador, tanto na capital quanto nos diversos outros municípios do Estado. Ele diz que atualmente o PV está representado em 137 municípios do Rio Grande do Norte, conta com 1 prefeito (Vila Flor), 32 vereadores e 4 vice-prefeitos, e o objetivo é  ampliar  esses números.

Luiz Almir, conhecido como vereador-seresteiro, diz que o partido estará aberto para entendimentos com vistas a 2016, inclusive com possibilidade de filiação do vereador Dagô de Andrade e do ex-vereador Enildo Alves, além de outras lideranças que estão demonstrando interesse em filiar-se à legenda. “O PV é um partido simpático que tem uma boa proposta de preservação da natureza. Acredito que faremos um bom trabalho à frente da sigla com expectativa favorável de crescimento”, disse Almir.

23 fev by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Luiz Almir é contra filiação de Rosalba ao PV

LUIZALMIR6

O vereador Luiz Almir (FOTO), do PV, reagiu contrariamente à possibilidade de filiação da ex-governadora Rosalba Ciarlini ao partido, presidido no Estado pelo ex-senador Paulo Davim, que há pouco tempo convidou-a a assinar a ficha do Partido Verde, segundo o ex-senador, iniciando assim, um processo de reestruturação e fortalecimento da legenda no Rio Grande do Norte. “A ex-governadora saiu do cargo reprovada pela população e por isso, no meu entendimento, ela não contribuirá em nada para o crescimento do PV no Estado”, ressalta o vereador, que é um dos cotados para assumir a liderança do prefeito de Natal na Câmara Municipal, a exemplo de Chagas Catarino, do PROS e Dickson Júnior, do PSDB.

Luiz Almir falou também sobre uma possível participação do PV no processo sucessório natalense apresentando  candidatura própria, tese defendida pelo presidente da legenda, Paulo Davim. “Esse assunto é preciso que seja discutido e analisado com cuidado e na hora certa”, disse  vereador-seresteiro, deixando evidenciado que prefere apoiar um candidato a prefeito de outra legenda. Almir, inclusive, está tendo seu nome citado como possível candidato a vice-prefeito na chapa com o atual prefeito de Natal.

Questionado sobre uma possível candidatura do ex-senador Paulo Davim a prefeito de Natal, Luiz Almir afirmou o seguinte: “Paulo Davim é um homem sério e de bem, mas no processo sucessório não é só Paulo Davim. Temos que ouvir a base partidária e principalmente o povo através de pesquisa”, disse ele. Ainda sobre o PV, Luiz Almir relata que “o partido teve a grande oportunidade de governador Natal, mas lamentavelmente Micarla de Souza não teve sua administração aprovada pela população natalense”.

INÍCIO DE TUDO

O PV iniciou no Rio Grande do Norte com o ambientalista e professor universitário, Eugênio Cunha. Posteriormente, Darci Girassol assumiu  a presidência da legenda. Em 2004 foram eleitos os vereadores Júlio Protásio e Luiz Carlos e em 2005, Micarla de Souza assumiu o comando da legenda no Estado e o partido tornou-se a segunda maior bancada na Câmara Municipal de Natal, elegendo entre outros, os vereadores, Edivan Martins, Sargento Siqueira e Aquino Neto. Ainda em 2005, Paulo Davim elegeu-se deputado estadual (pelo PT), mas posteriormente deixou a legenda para se filiar ao PV, sob a alegação de está decepcionado com o Partido dos Trabalhadores que já naquela época foi denunciado por atos de corrupção.

Micarla de Souza compôs a chapa com o então candidato a prefeito de Natal, Carlos Eduardo na condição de candidata à vice-prefeita, mas em pouco tempo afastou-se do prefeito e foi candidata em 2008, elegendo-se prefeita com apoio do senador José Agripino. No 4º de administração a prefeita foi afastada do cargo por decisão judicial em razão de denúncias de irregularidades na secretaria Municipal de Saúde. O processo de decadência do PV foi iniciado com a saída da prefeita do cenário político estadual e acentuou-se mais ainda na última eleição quando não elegeu nenhum deputado e perdeu a eleição majoritária depois de apoiar o então candidato do PMDB, deputado Henrique Eduardo, que não conseguiu sucesso eleitoral nas urnas disputando o pleito contra o candidato do PSD, Robinson Faria.

 

 

Fotos: João Ricardo Correia

10 fev by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Rosalba recebe convite para se filiar ao PV

ROSA2
A ex-governadora Rosalba Ciarlini poderá assumir o comando do Partido Verde no Rio Grande do Norte. Convite nesse sentido teria sido feito pelo atual presidente da legenda, ex-senador Paulo Davim. Segundo uma fonte mossoroense, a ex-governadora ficou lisonjeada com o convite e teria pedido tempo para consulta as suas bases eleitorais sediadas em diversos municípios do Estado. Na conversa com o dirigente verde, Rosalba teria confirmado a sua disposição de candidatar-se ao  cargo de prefeita de Mossoró, para posteriormente disputar uma vaga no Senado da República, tentando derrotar seu ex-líder José Agripino Maia.

As sequelas existentes entre Agripino e Rosalba deve-se ao episódio ocorrido na última eleição, quando a então governadora desejava candidatar-se à reeleição e foi preterida pelo líder do seu partido, senador José Agripino. Por parte dos verdes, a filiação de Rosalba Ciarlini representa o fortalecimento da legenda após o insucesso administrativo da então prefeita Micarla de Souza em Natal. O PV já teve a maior bancada na Câmara Municipal de Natal, com os vereadores Júlio Protásio, Edvan Martins, Luiz Carlos, Aquino Neto, entre outros.

Na Assembleia Legislativa, o PV contava com dois deputados, Paulo Davim e Gilson Moura, esse último alijado da vida pública denunciado por corrupção. O partido elegeu também na época um deputado federal – Paulo Wagner – que foi aposentado por invalidez  e está sendo questionado na justiça. Houve também a ascensão de Paulo Davim ao Senado na vaga Garibaldi Filho que assumiu o Ministério da Previdência Social. O PV, segundo a fonte mossoroense, pretende voltar a ter representatividade no Rio Grande do Norte e influenciar nas decisões da política estadual. O assunto tem sido recorrente na cidade de Mossoró, começando com a possível filiação da “Rosa”.

17 dez by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Luiz Almir assumirá comando do Partido Verde em Natal

LUIZALMIRSECRETARIO_ELPIDIOJUNIOR
Luiz Almir comandará destinos do PV na capital potiguar (Foto: Elpídio Júnior)

O presidente nacional do Partido Verde (PV), José Luiz Pena, através do presidente estadual, senador Paulo Davim, oficializou o convite para que o vereador Luiz Almir assuma a presidência do partido em Natal.  O convite foi aceito e a publicação da nomeação do novo dirigente municipal será neste mês de dezembro. A festa com os correligionários acontece no mês de janeiro.

“Será mais uma responsabilidade que me honra, que honra meus amigos e amigas, que honra o povo de Natal. Vamos lutar para tornar o PV mais forte, sendo um partido ainda mais avançado, sempre tomando decisões e planejando ações em benefício do povo”, disse Luiz Almir.

13 nov by João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Paulo Wagner considera Fátima Bezerra a política mais forte do Estado

PAULOWAGNER10
O deputado federal Paulo Wagner, do PV, entende que o sucesso do governo Robinson Faria (PSD) vai depender basicamente do seu relacionamento com a deputada Fátima Bezerra, líder do PT no Estado e na capacidade que terá o futuro governador na formação de uma boa equipe de trabalho, já que segundo ele, o Estado vivencia uma grave crise financeira. “Robinson tem que tratar Fátima bem, inclusive convocando o deputado eleito Betinho Filho para a sua equipe de governo para abrir espaço para o suplente do PT, Adriano Gadelha”, disse o deputado do PV, acrescentando: “tudo vai passar por Fátima Bezerra e a força política do Estado não é mais dividida com Henrique Eduardo Alves”.

Paulo Wagner, que é apresentador de programas populares na televisão e conseguiu se eleger pela primeira vez para a Câmara Federal em 2010, não obteve êxito no pleito desse ano. Ao comentar sua passagem pelo Poder Legislativo Federal o deputado do PV mostra-se decepcionado pela sensação de inoperância que é acometido cada parlamentar em razão do grande número de projetos que são encaminhados e não votados. “Existem na Câmara Federal mais de 30 mil projetos tramitando nas Comissões Técnicas. Isso é horrível. Não temos produção e o corporativismo é grande”, ressalta.

 

FUTURO POLÍTICO

Como primeira alternativa para Henrique Eduardo após o insucesso eleitoral desse ano o deputado Paulo Wagner defende a ida do deputado do PMDB para a equipe de governo da presidente Dilma Rousseff ocupando um ministério que segundo ele, poderia ser a Integração Nacional onde Henrique Eduardo poderia desenvolver um bom trabalho, resgatando inclusive, o desejo do seu pai Aluízio Alves de trazer água do São Francisco para o Nordeste Brasileiro. Como projeto político a médio prazo, Paulo Wagner entende que Henrique poderia disputar uma vaga no Senado ao lado de Garibaldi Filho nas eleições de 2018.

 
RECOMENDAÇÃO AOS NOVOS

Aos novos deputados federais eleitos para representar o Rio Grande do Norte, Paulo Wagner recomenda (no caso, Rafael Motta, Walter Alves, Betinho Filho e Zenaide Maia) que procurem participar de Comissões Técnicas e relatorias para que agindo assim não fiquem no anonimato. “Essa é a forma de terem visibilidade. Do contrário ficarão 4 anos na Câmara Federal sem o trabalho aparecer”, avisa.

 

PAULOWAGNER11

À espera de uma aposentadoria por invalidez

“O meu futuro é uma aposentadoria por invalidez”. Essa foi a resposta do deputado Paulo Wagner ao ser questionado sobre seu futuro na vida pública do Rio Grande do Norte. Em razão dos problemas de saúde que vem enfrentando, o deputado do PV descarta a possibilidade de disputar novamente mandato eletivo. “Estou com 4 safenas, uma mamária, diabetes, hipertenção e apenas um rim funcionando e na iminência de fazer hemodiálise”, observa o deputado, dizendo que todos os trâmites para sua aposentadoria foram cumpridos, faltando apenas a assinatura do presidente da Câmara Federal, deputado Henrique Eduardo Alves.

Questionado sobre a sua não reeleição, Paulo Wagner informou que não participou ativamente da campanha em razão da sua saúde precária e também sem condições financeiras só manteve a candidatura para ajudar o candidato do PMDB ao Governo do Estado. Sobre os problemas com o seu partido, o PV, cujos líderes levaram seu nome para a Comissão de Ética alegando infidelidade partidária por ter votado em candidatos não recomendados pela cúpula partidária regional, Paulo Wagner nega.

PERSPECTIVAS PARA O PV

Mesmo concordando com o presidente de honra do PV, agitador ecológico Rivaldo Fernandes, afirmando que o partido passa por um processo de “naniquização” (igualando-se aos chamados nanicos), Paulo Wagner entende que o PV tem tudo para se transformar num partido forte eleitoralmente no Estado sob o comando do senador Paulo Davim. “O PV saiu enfraquecido nessa eleição, mas pode se reorganizar realizando um trabalho de reestruturação para conquistar a vaga de deputado federal novamente e elegendo 2 ou 3 representantes na Assembleia Legislativa”, disse ele, defendendo, inclusive, a permanência do senador Paulo Davim na presidência da legenda no Rio Grande do Norte. “Paulo é um político sério e um médico conceituado. Defendo que ele permaneça à frente do nosso partido”, concluiu Paulo Wagner.

Fale no ZAP