Tag: Ribeira

11 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

História abandonada: Beco da Quarentena está cheio de lixo e ratos

BECODAQUARENTENA1_WALDIRBARROSO

O Beco da Quarentena é uma estreita passagem de cerca de 25 metros, que liga a rua Frei Miguelinho à rua Chile, no tradicional bairro da Ribeira, bairro onde nasceu a cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte.

Recebeu este apelido “carinhoso” por abrigar marinheiros e pessoas contaminadas pela varíola, uma doença terrível que vitimou muitos brasileiros naquela época e, após algum tempo, foi transformado em zona do baixo meretrício, um ponto de prostituição, repudiado pela alta sociedade natalense, mas bastante frequentado por aqueles que procuravam satisfazer os desejos sexuais por um preço bem mais barato que os cobrados pelas tradicionais casas de drinques.

BECODAQUARENTENA2_WALDIRBARROSO

Há cerca de 4 anos, intelectuais e amantes da boemia que lutavam pela revitalização da Ribeira realizaram a lavagem do Beco da Quarentena, numa tentativa de torná-lo mais humano e acabar com a fama de lugar amaldiçoado, pois diz a lenda que ninguém consegue atravessá-lo de uma ponta a outra.

Infelizmente, esta tentativa não surtiu o efeito desejado, pois o que se vê hoje, é uma volta ao passado, já que o local é um lugar cheio de lixo, imundo, exalando um odor fétido e sombrio. Palco ideal para a proliferação de pragas como ratos e insetos, vetores de sérias doenças para o ser humano, que na maioria das vezes, passará por mais um período de quarentena, devido ao descaso das autoridades competentes, que não se preocupam com o bem estar de sua população.

 

Fotos: Waldir Barroso

1 jun by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Banda Angra traz “Secret Garden” a Natal nesta quarta-feira

ANGRA1

A banda Angra, um dos maiores nomes do heavy metal brasileiro, confirmou uma apresentação única em Natal. O show faz parte da turnê de lançamento do novo álbum “Secret Garden” e será realizado dia 03 de junho, véspera de feriado, no Armazém Hall, na Ribeira.

O álbum “Secret Garden” é o oitado disco de estúdio gravado pelo grupo e foi gravado em janeiro deste ano. Com o disco que acabou de sair do forno e que marca a permanência do italiano Fabio Lione e a estreia do baterista Bruno Valverde no grupo, o quinteto está realizando uma turnê em várias capitais do país, incluindo Natal.

A banda retornou recentemente de uma turnê no Japão e seu novo álbum Secret Garden já foi citado pela imprensa japonesa e pela Revista Rolling Stones como sendo um dos melhores trabalhos já produzidos pela banda.

Recentemente Kiko Louireiro, compositor e guitarrista do Angra, foi convidado para integrar uma das maiores bandas de metal do mundo: Megadeth. A boa notícia é que Kiko estará presente no show em Natal, mostrando todo seu virtuosismo e porque o Angra sempre mereceu destaque internacional.

Os ingressos já estão à venda nas Lojas Havaianas do Midway Mall e Natal Shopping. O ingresso pode ser comprado pela internet e pago no cartão pelos sites bilheteriadigital.com e sympla.com.br

SECRET GARDEN

Com pré-produção do renomado produtor Roy Z (Judas Priest, Bruce Dickinson, Halford), e produzido e gravado na Suécia pelo talentoso Jens Bogren (Kreator, Arch Enemy, Opeth), Secret Garden reúne tudo o que consagrou o Angra como uma das maiores bandas do estilo no mundo, com uma roupagem contemporânea e composições inspiradas.

“Secret Garden” é o oitavo álbum de estúdio do grupo e mostra a maturidade do Angra que, em mais de 23 anos de estrada, continua a se destacar pela garra, motivação e a mesma paixão que impulsionou seu início.  Secret Garden é mais uma obra-prima do grupo e promete ser um grande clássico do metal mundial.

ANGRA

A banda, conhecida por estar entre os maiores nomes do heavy metal brasileiro no mundo, tendo lançado aclamados álbuns e construído uma gloriosa carreira é também uma referência musical por seus interlúdios sinfônicos, instrumental altamente técnico e pela alquimia do metal com elementos regionais brasileiros, foi formada originalmente em 1991.

Em 1992 gravou a demo ‘Reaching Horizons’, que despertou uma enorme curiosidade entre os fãs de metal no Brasil e que levou o grupo a conseguir viabilizar a gravação de seu primeiro álbum, no estúdio do guitarrista KAI HANSEN [HELLOWEEN] na Alemanha. O resultado, o álbum “Angels Cry”, mudou de vez o cenário musical brasileiro, e afirmou o Angra como uma força dentro do fechado circuito europeu do metal melódico. A banda conseguiu o impensável para um grupo brasileiro do estilo: mais de 100 mil cópias vendidas no Japão, onde, devido ao enorme e inesperado
sucesso de ‘Angels Cry’, um EP fora lançado com versões remixadas de algumas faixas do disco.

Em 1996, o Angra ousou mais ainda com o álbum ‘Holy Land’, permeado por arranjos de orquestra, corais e ritmos brasileiros o que proporcionou para este disco um sucesso comercial ainda maior do que “Angels Cry”, e assim tornou possível a primeira turnê do grupo pela terra do Sol Nascente e que outro EP fosse presenteado aos fãs: “Holy Live”, gravado ao vivo em Paris.

Em 1998, o mercado conheceu outros dois lançamentos do prolífero grupo: o EP “Lisbon”, e o álbum “Fireworks”, mais focado no heavy metal tradicional e sem as influências neoclássicas que já faziam parte do estilo e repertório da banda.

Em 2000, a banda lançou o primeiro box set de um grupo brasileiro de heavy metal: “Holy Box”. 2001 foi um ano altamente importante, pois o mundo conheceu um de seus mais fortes trabalhos, “Rebirth”, um acachapante sucesso de crítica e vendas tanto no Brasil como no exterior, vendendo mais de 100 mil cópias em menos de dois meses, algo inconcebível para uma banda de metal sem nenhum apoio da grande mídia no país, onde o grupo recebeu disco de ouro. “Rebirth” ultrapassou a
marca de um milhão de discos vendidos ao redor do mundo.

Já em 2002, o EP “Hunters And Prey” foi lançado em meio a uma turnê mundial longa como o grupo jamais havia feito anteriormente. “Temple of Shadows” marcou o retorno da banda ao estúdio. Lançado em 2004, o álbum ultrapassou 250 mil cópias vendidas e colocou o grupo na estrada até o
ano seguinte, passando por América Latina, Europa, Japão, Ásia e Oceania. “Aurora Consurgens” chegou em 2006, e marcou o começo de um breve hiato nas atividades da banda – estafada pela massacrante rotina de turnês.

 

Fonte: DC Produções

25 mar by Henrique Goes Tags:, ,

‘A.Bo.Ca’: Ribeira ganha novo espaço teatral ; inauguração é sábado (29)

O bairro da Ribeira, em Natal, vai ser presenteado com mais um espaço artístico. Localizado na rua Frei Miguelinho, número 16, A.Bo.Ca – Espaço de Teatros será inaugurada no sábado, dia 29 de março, a partir 20h. Uma noite que será um marco para o teatro local que tanto carece de espaços para suas produções continuadas.
A.Bo.Ca
                                          Divulgação
A grande celebração, que promete não ter hora para acabar, inicia às 20h com apresentação do espetáculo O Cobrador, do Coletivo Atores à Deriva, seguido do experimento performático Na Mesa com o Bobo, da Bololô Cia. Cênica. Às 22h, Angela Castro – cantora e vocalista da banda Rosa de Pedra – apresenta o show Buena Onda, acompanhada pelos músicos Toni Gregório (guitarra) e Rogério Pitomba (bateria). A partir das 23h começa a batalha de DJs entre Tiago Landeira e Danina Nua.
SOBRE A.BO.CA
O espaço vai funcionar como sede da Bololô Cia. Cênica, do Grupo Carmin de Teatro e doColetivo Artístico Atores à Deriva. Ter uma sede própria é um passo importante para quem deseja fazer do trabalho artístico o seu trabalho. Uma sede, um lugar fixo para se trabalhar todos os dias, é essencial para a consolidação de um grupo.
 cartaz aboca
“Uma sede representa um grande avanço e uma grande conquista, uma vitória na labuta diária de tentar ganhar a vida com teatro. A sede representa também uma luta política, porque a medida que conquistamos esse espaço, estamos oferecendo mais um espaço cultural para a cidade. Representa também a possibilidade de estabelecer trocas estéticas e artísticas com outros grupos, receber grupos de fora”, vibrou Luana Menezes, atriz da Bololô Cia Cênica.
COMO TUDO COMEÇOU
Em setembro de 2013, os grupos Atores à Deriva, Bololô Cia. Cênica e Grupo Carmin de Teatro uniram forças e juntos fizeram do prédio de número 16 da Rua Frei Miguelinho, no bairro da Ribeira, a sua casa. Assim surgiu A.Bo.Ca Espaço de Teatros, que funciona como a sede dos três coletivos.
Ideias e mais ideias entorno de um nome para o espaço foram levantadas em reuniões. Em um insight da atriz Quitéria Kelly (Grupo Carmin) veio a junção das iniciais dos três coletivos resultando em A. Bo. Ca. – Atores à Deriva, Bololô e Carmin.
A. Bo. Ca. – Espaço de Teatros é exatamente este lugar que reúne os fazeres teatrais destes tres coletivos, objetivando fortalecer a cena teatral natalense através de suas pesquisas, montagens, apresentações, oficinas e workshops. Um marco para o teatro local que tanto carece de espaços para suas produções continuadas.
SOBRE OS COLETIVOS
Coletivo Artístico Atores à Deriva surgiu em 2008 a partir do desejo de formação profissional e continuidade da pesquisa em teatro, experimentada na montagem do espetáculo A Mar Aberto, proposto pelo diretor e dramaturgo Henrique Fontes.
Bololô Cia. Cênica foi fundada em 2009 e é formada pelos artistas Alex Cordeiro, Arlindo Bezerra, Luana Menezes, Paulinha Medeiros, Rodrigo Silbat e o produtor Flávio Rodriguez. A Bololô nasceu do desejo de experimentar as possibilidades da cena contemporânea e da necessidade de formação de um coletivo de pesquisa artística continuada.
Grupo Carmin de Teatro foi criado em 2007 em Natal, RN, pelas atrizes Quitéria Kelly e Titina Medeiros, motivadas pela pesquisa sobre moradoras de rua de Natal. A pesquisa resultou na montagem da peça “Pobres de Marré”  com texto e direção de Henrique Fontes, que passou a integrar o grupo.
PROGRAMAÇÃO
Espetáculos
20h – O Cobrador (Atores à Deriva)
21h – Na Mesa com o Bobo (Bololô Cia Cênica)
Festa
22h – Show Buena Onda, com Angela Castro (Rosa de Pedra)
23h – Batalha de DJs entre Tiago Landeira e Danina Nua
SERVIÇO
INAUGURAÇÃO A.Bo.Ca | Espaço de Teatros
Sábado, 29 de março de 2014, a partir das 20h
Rua Frei Miguelinho, 16, Ribeira – Natal | RN
Ingressos: Casadinha dois espetáculos R$20 (inteira) R$10 (meia) + festa R$5
Somente festa: R$10
Informações: Silbat Rodrigo (84) 3322-0090 | 9640-6965 | silbat.bololo@hotmail.com
Fonte: Assessoria de Imprensa

 

Fale no ZAP