4 out by João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Escola de gastronomia Le Cordon Bleu é inaugurada no Rio

A conceituada escola francesa de gastronomia Le Cordon Bleu inaugurou hoje (4) sua unidade no Rio de Janeiro. A sede carioca de dois andares fica em Botafogo, na zona sul, conta com seis cozinhas profissionais e um restaurante de aplicação. Presente em países como Inglaterra, Japão e Estados Unidos, a Le Cordon Bleu Rio é a segunda unidade no Brasil. A primeira foi inaugurada em São Paulo, em maio deste ano.

A grande novidade dessa unidade foi a oferta de dez bolsas de estudos integrais a alunos de baixa renda da rede pública estadual. A ação foi uma parceria entre a escola e o governo do Rio, por meio da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec).

23 set by Henrique Goes Tags:, , ,

Supremo decide esta semana se a venda de cigarros aromatizados será proibida

O Supremo Tribunal Federal (STF) deverá definir na próxima quinta-feira (26) se mantém a suspensão da resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que proibiu a fabricação e venda de cigarros com sabor artificial. A norma foi suspensa na terça-feira (17) por meio de uma liminar da ministra Rosa Weber. A decisão terá que ser referendada pelo plenário da Corte.

Cigarro_Aromatizado
Imagem de internet

A ministra atendeu pedido de liminar da Confederação Nacional da Indústria (CNI) para suspender a Resolução 14/2012, que entraria em vigor no dia 15 de setembro. Na ação, a CNI alegou que a norma resultaria na proibição de todos os cigarros produzidos pela indústria por restringir a utilização de qualquer substância que não seja tabaco ou água. A confederação também defendeu que a proibição representa o fechamento de fábricas e demissão de trabalhadores.

O decreto com as regras foi publicado pela Anvisa em março de 2012. A medida da agência reguladora estipulou o prazo de 18 meses para a adequação da indústria, a partir da publicação da resolução, para os cigarros, e 24 meses para os demais derivados do tabaco, como charutos e cigarrilhas. A norma da Anvisa, no entanto, permite o uso de oito substâncias no processo de fabricação, como o açúcar, que poderá continuar sendo utilizado exclusivamente com a finalidade de recompor a quantidade do produto perdida no processo de secagem das folhas de tabaco.

A Anvisa alega que as substâncias que conferem sabor doce potencializam a ação da nicotina no organismo e servem para conquistar novos fumantes, principalmente jovens. Entre 2007 e 2010, o número de marcas de cigarros aromatizados, cadastradas na Anvisa, cresceu de 21 para 40.

27 mar by Henrique Goes Tags:, , , ,

PIPA DE ARTES E SABORES – GALERIA ITINERANTE LEVA ARTE À TIBAU DO SUL

Pipa é Pipa e não se precisa encontrar muitas desculpas para visitá-la. Mas se além das belezas naturais (geográficas e humanas, diga-se de passagem) e noite quente você puder apreciar boa comida e arte, tudo pode ficar perfeito neste feriadão de Páscoa. Eis uma boa oportunidade:

A Galeria Itinerante de Arte Potiguar coloca o pé na estrada e segue até a Praia de Pipa, situada no município de Tibau do Sul. As obras dos artistas participantes da Galeria ficarão expostas na Pizzaria Calígula, entre os dias 28 de março e 08 de abril.

Galeria Itininerante - Obra de Júlio Siqueira - FOTO Gustavo Guedes
Obra de Júlio Siqueira
Foto: Gustavo Guedes

No último dia da exposição (08/04), está prevista a visita de alunos das escolas públicas municipais e estaduais da localidade, seguida de uma pequena aula/palestra sobre Arte, ministrada pela Profª Ms. Mára Beatriz Pucci de Mattos, professora de Artes Visuais e Curadora da Galeria do IFRN Câmpus Natal – Cidade Alta.

 

Caminho dos Sabores – Edição especial Pipa

 

Local: Pizzaria Calígula
Av. Baia dos Golfinhos, s/nº – Praia de Pipa/RN

Período: 28 de março a 08 de abril de 2013.

 

A GALERIA ITINERANTE DE ARTE POTIGUAR

O Projeto Galeria Itinerante de Arte Potiguar, busca acima de tudo, a valorização do artista, zelando pelo seu conhecimento/reconhecimento perante a sociedade e utilizando-se de mecanismo para que cada artista, ao término do projeto, possua meios e vínculos que possibilitem a difusão de sua arte, fazendo com que ele possa a partir da produção e elaboração da mesma ter o seu meio de subsistência.

O projeto age também como um formador de público e de opiniões, já que pretende retirar o mito de que a arte deve permanecer apenas sob os olhos da classe social detentora de maior poder aquisitivo, já que levará arte retratada através de obras em artes visuais para diversos pontos de circulação de pessoas na cidade do Natal, possibilitando aos indivíduos o contato, propiciando assim a sensibilização dos mesmos.

Artistas participantes: Alexandre Ribeiro, Altemir Freire, Braga Santos, Jordão, Júlio Siqueira, Marcelus Bob, Mestre Fefeu, Rosa MC, Sheyla Batista, Vilela e Wodson Rodrigues, Rivaldo Neto.

 

Com informações da Assessoria de Imprensa do IFRN

Fale no ZAP